Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Vagas descem pelo terceiro ano seguido

Desde 2011 houve uma redução de 2680 lugares, 85% dos quais nos institutos politécnicos.
16 de Julho de 2014 às 00:01
Universidades e politécnicos deram mais quatro mil diplomas em 2016/2017
Universidades e politécnicos deram mais quatro mil diplomas em 2016/2017 FOTO: Pedro Catarino

As instituições de ensino superior público abriram este ano 50 820 vagas para a primeira fase do concurso nacional de acesso. São menos 641 lugares para novos alunos em relação ao ano passado, o que representa uma redução de 1,2%. Este é o terceiro ano consecutivo em que o número de vagas cai.

Comparando com 2011, a quebra foi de 2680 lugares, ou seja, uma redução total de vagas de cinco por cento, que reflete também a diminuição do número de candidatos verificada nos últimos anos - em 2013, houve 51 461 vagas no concurso nacional e 48 960 candidatos. As universidades sentiram menos esta redução do que os politécnicos. Desde 2011, as 13 universidades públicas perderam 376 vagas, o que representa uma quebra de apenas 1,3 por cento. Já nos politécnicos houve uma diminuição de 2304 lugares, ou seja, menos nove por cento.

Isto significa que os politécnicos foram responsáveis por 85 por cento das 2680 vagas a menos em relação a 2011.

Além das 50 820 vagas abertas relativas ao regime geral de acesso, há ainda 646 lugares disponíveis através dos concursos locais. As candidaturas começam amanhã no site da Direção-Geral do Ensino Superior (www.dges.mctes.pt).

CLIQUE AQUI PARA VER AS VAGAS PARA O ENSINO SUPERIOR PÚBLICO

concurso vagas ensino superior
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)