Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

PREJUÍZO DA RTP CAI 200 MILHÕES

A RTP reduziu o prejuízo em quase 200 milhões de euros no ano passado, de 228,2 milhões para 32,4 milhões, revelou ontem, em conferência de imprensa, a administração da empresa.
26 de Março de 2004 às 00:00
A RTP quer agora diminuir os custos operacionais
A RTP quer agora diminuir os custos operacionais FOTO: Manuel Moreira
As principais medidas responsáveis por esta diminuição foram, principalmente, o corte dos custos com pessoal (caíram de 87 para 56,8 milhões de euros) e a redução dos custos das transmissões televisivas.
A subida de 25 por cento das receitas de publicidade contribuiu para a recuperação da empresa que, apesar da redução do tempo para anúncios, encaixou 48,7 milhões de euros (mais cerca de nove milhões do que em 2002).
Segundo a administração revelou, em 2004, a RTP quer reduzir os custos operacionais em 20 milhões de euros, para cerca de 200 milhões por ano, apostando na divisão de gastos, nomeadamente nas delegações, onde a RTP pretende "partilhar os custos com a RDP", referiu o administrador Ponce Leão.
Relativamente à RDP, a administração afirmou que esta empresa "registou o melhor resultado de sempre", tendo obtido um lucro de 13 milhões de euros, recuperando do prejuízo de 14 milhões apresentado em 2002.
Também a redução dos custos com o pessoal (rescindiu com 191 funcionários), a diminuição dos encargos com a cobrança pela EDP da contribuição para o audiovisual e a entrada de mais dois milhões de euros em receitas permitiram a recuperação da RDP.
"No futuro, o valor dos custos não ultrapassará o das receitas", garantiu Ponce Leão, explicando que "quando for feito o acerto total [dos sete milhões de euros que falta receber] da EDP, a RDP terá um balanço totalmente financiado por capitais próprios".
Ver comentários