Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Governo brasileiro indica economista para presidir BNDES após demissão de Joaquim Levy

Lusa 18 de Junho de 2019 às 01:25

O Governo brasileiro indicou na segunda-feira o economista brasileiro Gustavo Montezano para presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Económico (BNDES), depois da demissão no domingo passado de Joaquim Levy, após ameaças do Presidente brasileiro.

"O Ministério da Economia informa o encaminhamento para a deliberação do Conselho de Administração do BNDES do nome de Gustavo Montezano, atual secretário-adjunto da Secretaria de Desestatização e Desinvestimento, para presidir a instituição", anunciou o Governo em comunicado.

Montezano, de 38 anos, é mestre em Economia e foi sócio do Banco Pactual, instituição financeira que teve entre os seus fundadores o atual ministro da Economia, Paulo Guedes.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)