Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Guarda investe um milhão para despoluir dois rios

Trabalhos de despoluição dos rios Diz e Noéme, cuja qualidade ficou em causa devido aos incêndios de 2017.
Edgar Nascimento 5 de Outubro de 2018 às 09:30
O rio Noéme corre ao longo de 40 quilómetros para o rio Coa e vai ser alvo de obras de despoluição
Câmara da Guarda
O rio Noéme corre ao longo de 40 quilómetros para o rio Coa e vai ser alvo de obras de despoluição
Câmara da Guarda
O rio Noéme corre ao longo de 40 quilómetros para o rio Coa e vai ser alvo de obras de despoluição
Câmara da Guarda
A Câmara da Guarda vai investir um milhão de euros para obras de despoluição dos rios Diz e Noéme. A primeira fase dos trabalhos inicia-se na próxima semana.

"É uma verdadeira revolução, ainda que tranquila, em termos do bem-estar, em termos de melhor qualidade de vida", referiu o presidente da autarquia, Álvaro Amaro, que explicou que o projeto é executado no âmbito do plano de obras de reabilitação e valorização dos ecossistemas ribeirinhos após os incêndios de 2017.

As obras têm de estar concluídas até 20 de dezembro, assinalou o autarca, revelando que se segue uma segunda fase do projeto relacionada com "toda a renaturalização" dos dois rios. Álvaro Amaro alertou, porém, que o município não pode "estar a fazer este investimento e continuar com índices de poluição", referindo que o tratamento dos efluentes domésticos "tem de ser feito de modo a que os rios sejam límpidos, transparentes e com vida".

Pedro Teiga, técnico da equipa contratada pela autarquia para elaborar o projeto e fazer o acompanhamento técnico, explicou que a intervenção vai ter "várias componentes", uma das quais está relacionada com as estruturas hidráulicas e contempla a valorização de pontes, pontões e açudes.

Segundo o responsável, o projeto prevê "quilómetros de intervenção". "Ao longo do Noéme é praticamente todo o rio, mas depois inclui ribeiras, como a das Cabras, pontos no rio Diz e pontos ao longo do curso de água, onde chegam uma parte das cinzas e dos problemas de erosão" originados pelos incêndios.

O rio Diz é um afluente do rio Noéme e este corre ao longo de 40 quilómetros para o rio Coa e atravessa várias localidades dos concelhos da Guarda, Sabugal e Almeida.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)