Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

Mário Dorminsky: “Sonho ver 35 mil pessoas no Fantas”

Festival Internacional de Cinema arranca na sexta-feira e prolonga-se até 3 de março.
Ana Maria Ribeiro 20 de Fevereiro de 2019 às 01:30
Mário Dorminsky nasceu em Paranhos, no Porto, a 30 de abril de 1955
Mário Dorminsky, fundador do Fantasporto, e Beatriz Pacheco Pereira, da organização do evento
O diretor do Festival Internacional de Cinema do Porto Fantasporto Mário Dorminsky
‘In Fabric’, com Marianne Jean-Baptiste, é um dos favoritos
Mário Dorminsky nasceu em Paranhos, no Porto, a 30 de abril de 1955
Mário Dorminsky, fundador do Fantasporto, e Beatriz Pacheco Pereira, da organização do evento
O diretor do Festival Internacional de Cinema do Porto Fantasporto Mário Dorminsky
‘In Fabric’, com Marianne Jean-Baptiste, é um dos favoritos
Mário Dorminsky nasceu em Paranhos, no Porto, a 30 de abril de 1955
Mário Dorminsky, fundador do Fantasporto, e Beatriz Pacheco Pereira, da organização do evento
O diretor do Festival Internacional de Cinema do Porto Fantasporto Mário Dorminsky
‘In Fabric’, com Marianne Jean-Baptiste, é um dos favoritos
O Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto arranca oficialmente na sexta-feira, sob o signo ‘Desafios da Modernidade’, mas para o pai do evento, Mário Dorminsky, o grande desafio é mudar a forma como o público perceciona a festa.

"Há 30 anos que o ‘Fantas’ não é uma mostra de filmes que provocam calafrios", diz Dorminsky ao CM.

"Neste ano, por exemplo, temos obras que refletem sobre a a temática feminina, filmes que falam das mudanças políticas nos países, outros que acompanham a realidade dos offshores... O festival é muito abrangente do ponto de vista temático, e não podíamos estar mais satisfeitos com a programação deste ano", acrescenta.

Ainda sem orçamento fechado, o responsável diz que sonha com um número: "Gostava de ter entre 30 e 35 mil pessoas no ‘Fantas’ este ano".

E garante que tem argumentos para o conquistar. "Temos 43 antestestreias mundiais e a atenção generalizada da imprensa internacional. Temos recebido os maiores elogios dos críticos e portanto estamos muito confiantes no sucesso da edição deste ano", que arranca na sexta-feira e vai até 3 de março.

PORMENORES 
Rivoli é sede
O ‘Fantas’ decorre no Teatro Rivoli do Porto e no dia de abertura exibe ‘Alien’, de Ridley Scott, filme que faz 40 anos.

Obras nacionais

Esta edição do evento tem um número recorde de participação nacional: leva 57 filmes portugueses a concurso.

Filme preferido
Nesta edição, o filme predileto de Dorminsky é ‘In Fabric’, de Peter Strickland. "Uma fantasia sobre o século XIX inglês".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)