Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
4

Morreu Lars Vilks, o cartoonista sueco que desenhou profeta Maomé num corpo de cão

Veículo da polícia civil onde o artista sueco seguia colidiu com um camião no sul da Suécia.
Correio da Manhã 4 de Outubro de 2021 às 09:32
A carregar o vídeo ...
Cartoonista sueco Lars Vilks, que desenhou profeta Maomé num corpo de cão, morre em acidente

O cartoonista sueco que desenhou a cabeça do profeta Maomé num corpo de cão, Lars Vilks, morreu num acidente de trânsito na tarde de domingo.

O veículo da polícia civil onde o artista sueco seguia colidiu com um camião na cidade de Markaryd, no sul da Suécia. Dois polícias também morreram e o motorista do veículo pesado ficou ferido. 

Inicialmente, a polícia sueca não divulgou a identidade dos mortos, mas a BBC indica que um amigo de Vilks confirmou a morte do artista. As autoridades investigam agora o acidente, ainda que não suspeitem do envolvimento de terceiros no mesmo.

Lars Vilks, de 75 anos, vivia sob proteção policial desde 2007 quando desenhou Maomé num corpo de cão e ofendeu muitos muçulmanos que consideraram a representação do profeta um insulto e fizeram ameaças de morte ao artista.

Maomé Lars Vilks religião morte Suécia Polícia
Ver comentários