Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

Teatro dos Aloés leva duas peças ao Porto

Duas das mais recentes produções do Teatro dos Aloés – ‘Facas nas Galinhas’, de David Harrower, e ‘A Canção do Vale’, de Athol Fugard – apresentam-se no Carlos Alberto, do Porto.
16 de Fevereiro de 2010 às 20:49
'A Canção do Vale' é uma das peças que o Teatro dos Alóes leva ao Porto esta temporada
'A Canção do Vale' é uma das peças que o Teatro dos Alóes leva ao Porto esta temporada FOTO: Margarida Dias

David Harrower, autor escocês que se estreou no teatro com ‘Facas nas Galinhas’, propõe-nos uma reflexão sobre a forma como o amor pode abrir as portas ao auto-conhecimento. Aqui conta-se a história de uma mulher analfabeta, casada, que se apaixona pelo moleiro que a ensina a ler e a descobrir dentro de si mundos de poesia que ignorava. O conhecimento leva-a ao crime e o crime à liberdade.

 

É também de liberdade que fala ‘A Canção do Vale’. A peça é da autoria de Athol Fugard, um dos escritores mais reputados da África do Sul, que nos fala de um tempo em que, no pós-apartheid, os negros se dividem entre aqueles que conseguem adaptar-se às novas condições de vida e sonham com um futuro melhor e aqueles que não o conseguem. Avô e neta confrontam-se em cena, revelando duas formas diferentes de ver o Mundo.

 

Os espectáculos, ambos encenados por José Peixoto, podem ser vistos no Teatro Carlos Alberto. ‘Facas nas Galinhas’ (interpretado por Carla Galvão, Jorge Silva e Luís Barros) é para ver de 18 a 21 de Fevereiro; ‘A Canção do Vale’ (Carla Galvão e José Peixoto) vê-se de 25 a 28. De quinta a sábado às 21h30, domingos às 16h00.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)