Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Barça com 60 milhões para reforçar plantel

Valor poderá aumentar caso saiam jogadores.
Leonel Lopes Gomes 29 de Março de 2016 às 17:15
FC Barcelona voltou a isolar-se na primeira posição, com 54 pontos
FC Barcelona voltou a isolar-se na primeira posição, com 54 pontos FOTO: Juan Carlos Cardenas/EPA

Os dirigentes do Barcelona já começaram a preparar a próxima época e uma das prioridades do clube no mercado de transferências do próximo verão passa pelo reforço de dois sectores, a defesa e o ataque.

 

Luis Enrique terá à disposição cerca de 60 milhões de euros. Os valores poderão aumentar caso saiam da Catalunha elementos que estão na equipa, casos de Vermaelen, Masip, Bartra, Sandro, Adriano ou Munir.

 

Para o centro da defesa, Laporte é o alvo prioritário. O central francês joga no Athetic Bilbao e tem uma cláusula de rescisão cifrada em 50 milhões de euros. O jovem jogador, que contraiu uma fratura-luxação do perónio e joelho direitos que o impossibilitará de jogar no que falta da época, é também seguido pelo Manchester City. Caso falhe esta opção, o Barça tem na mira do central Marquinhos do PSG. Nas últimas semanas, os nomes de John Stones (Everton), Giménez (Atl. Madrid), Ramiro Funes Mori (também do Everton) e Christensen (Borussia M’Gladbach) perderam força mas continuam na short list dos campeões europeus.

 

Para a frente de ataque, Kevin Gameiro, que representa o Sevilha, tem sido apontado como primeira escolha para "ajudar" o trio MSN, Messi, Suárez e Neymar. O avançado francês tem contrato com os andaluzes até 2018 e o facto de ter o mesmo empresário do que Mathieu, poderá ajudar os culés.

 

Garantida parece estar o regresso de Denis Suárez ao Barcelona. O médio, que está no Villarreal, deverá custar cerca de três milhões de euros. 

Barcelona Luis Enrique Catalunha desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)