Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Benfica não treme e faz a festa na Luz

Encarnados venceram o Nacional por 4-1.
Leonel Lopes Gomes 15 de Maio de 2016 às 18:55
A festa de Gaitán após o golo que marcou ao Nacional, o primeiro dos encarnados na "final" deste domingo frente aos insulares
A festa de Gaitán após o golo que marcou ao Nacional, o primeiro dos encarnados na 'final' deste domingo frente aos insulares FOTO: Vítor Chi

Empurrado pelo Inferno da Luz, o Benfica não vacilou, venceu este domingo o Nacional da Madeira por 4-1 e conquistou o 35.º título de campeão nacional de futebol do seu historial.

O argentino Gaitán, aos 23 e 65 minutos, o brasileiro Jonas, aos 65, e Pizzi, aos 84, marcaram os golos da formação comandada por Rui Vitória, que terminou a prova com um recorde de 88 pontos, contra 86 do Sporting, de Jorge Jesus.

A formação encarnada consolidou a liderança do ranking dos campeões, ao somar o 35.º troféu, contra 27 do FC Porto e 18 do Sporting, enquanto o Nacional, pelo qual marcou Salvador Agra, aos 90+1 minutos, ficou em 11.º, com 38.
-----------------------
90+2' -
Termina o jogo. O Benfica é tricampeão nacional. Os encarnados venceram o Nacional por 4-1. 

 

90+1' - Com um remate bem colocado, o extremo bateu Paulo Lopes. Bom golo do extremo português. 

90+1' - GOLO DO NACIONAL (4-1)! MARCOU SALVADOR AGRA. 

85' -
Está feito o 4-0. Cruzamento de Jonas e Pizzi, ao segundo poste e sem preparação, rematou para o fundo da baliza de Gottardi. Grande golo do médio português. 

84' - GOLO DO BENFICA (4-0)! MARCOU PIZZI. 

83' -
Lotação esgotada no Estádio da Luz, estão 64.235 espetadores. 

81' -
Última substituição no Benfica, sai Ederson, muito aplaudido, e entra Paulo Lopes. 

78' -
Jiménez tirou dois adversários do caminho mas foi egoista e não passou a bola a Jonas e Gaitán, preferindo rematar sem perigo. 

76' -
Canto para o Nacional. Corte de Jonas. 

73' -
Grande defesa de Gottardi a impedir o 4-0. 

72' - Em Braga, Bryan Ruiz faz o terceiro golo do Sporting. 

72' -
Substituição no Benfica sai Mitroglou e entra Raul Jiménez. 

67' -
Há instantes, Ederson, com uma saída corajosa, evitou o golo do Nacional. 

65' -
Está feito 3-0. Jonas cruzou, Mitroglou cabeceou a bola ao poste e no ressalto, Gaitán, de cabeça, fez o 3-0. É a loucura no Estádio da Luz. Tudo começou num corte mal feito de Nunoc Campos, que foi aproveitado por André Almeida. 

64' - GOLO DO BENFICA (3-0)! MARCOU GAITÁN. 




62' -
Última substituição no Nacional, sai Boubacar e entra Ricardo Gomes. 

57' -
Grande finta de Gaitán sobre Rui Correia mas o cruzamento foi cortado por João Aurélio. 

55' -
Livre perigoso marcado por Salvador Agra e por pouco Lindelof não marcou na própria baliza. 

53' -
Amarelo para Jardel após falta sobre Soares. Livre perigoso a beneficiar o Nacional. 

53' -
Substituição no Benfica, sai Fejsa, que estava com queixas físicas desde a 1.ª parte, e entra para o seu lugar Samaris.

52' -
Cruzamrnto de Gaitán por muito pouco Mitroglou não conseguiu empurrar para o 3-0. Lance de contra-ataque bem gizado pelos encarnados. 

50' -
Livre de Agra mas Ederson, atento, encaixou a bola. 

49' -
Canto apontado por Salvador Agra mas Gaitán, no primeiro poste, cortou o lance. 

49' -
Canto para o Nacional, cedido por Grimaldo. 

46' -
Mas que perigo. Cruzamento de Jonas e Mitroglou, de primeira, a rematar com muito perigo para fora. 

46' - Ao intervalo, saiu Mauro no Nacional e entrou Jota. 

46' - 
 Início da segunda parte, posse de bola para o Benfica. Ao intervalo, os encarnados vencem por 2-0, golos de Gaitán e Jonas, e estão mais próximos de atingir o tricampeonato. 


45+2' -
Intervalo no Estádio da Luz, com o Benfica a vencer o Nacional da Madeira por 2-0, golos de Gaitán e Jonas. 

45+1' -
Passe de Pizzi e Mitroglou, com tudo para fazer 0 3-0, rematou sem perigo para as mãos de Gottardi.

45' -
Dois minutos de tempo extra nesta primeira parte. 

44' -
Na conversão de um livre direto, Talisca rematou para fora. 

43' - Amarelo para Boubacar após falta sobre Mitroglou. Livre para o Benfica. 

42' -
Livre de Salvador Agra, corte de Grimaldo. 

41' -
Foi o 32.º golo de Jonas no campeonato. 

39' -
Cartão amarelo para Jonas, que tirou a camisola nos festejos do golo. 

39 '-
E o Benfica dilata a vantagem no marcador. Assitência primorosa de Gaitán e Jonas, mais lesto do que os dois centrais do Nacional, rematou a bola por baixo das pernas de Gottardi. No início da jogada que culminou no golo de Jonas, os jogadores do Nacional ficaram a pedir penálti após lance entre Fejsa e Soares. 

38' - GOLO DO BENFICA (2-0)! MARCOU JONAS. 


36'-
Falta de Soares sobre Jardel.

35' -
Mas que perigo. Após jogada com elevada nota artística gizada por Talisca, Gaitán e Grimaldo, Jonas, sem oposição e com a baliza à sua mercê, rematou para fora. Realce para o cruzamento de calcanhar do espanhol Grimaldo.

34' -
Falta de Boubacar sobre Gaitán.

33' -
Falta de Pizzi sobre João Aurélio. 

31' -
O Sporting dilatava a vantagem em Braga, golo de Slimani. Os bracarenses jogam com dez jogadores após a expulsão de Arghus aos 24 minutos. 

28 '-
Substituição no Nacional, sai o lesionado Luís Aurélio e entra Witi.

28' -
Amarelo para Talisca. 

24' -
E está feito o 1-0 no Estádio da Luz. Pizzi, isolado, não conseguiu bater Gottardi mas no ressalto, após corte de Boubacar, Gaitán rematou enrolado e conseguiu bater o guardião dos insulares. O Benfica adianta-se no marcador. 


23' - GOLO DO BENFICA (1-0)! MARCOU GAITÁN

20' -
Em Braga, o Sporting adianta-se no marcador. Golo de Teo Gutiérrez aos 20 minutos. 

19' -
Mas que perigo. Cruzamento tenso de Pizzi e por escassos centímetros a bola não entrou na baliza de Gottardi, que estava batido.

19' -
Há instantes, Talisca cabeceou e a bola aind tocou no seu braço, já dentro da área do Benfica mas nada foi assinalado por Nuno Almeida. 

18' -
Corte de Lindelof na hora certa a tirar a bola a Soares, que estava em zona perigosa. 

16' -
Falta de Jardel sobre Soares, livre para o Nacional. 

15' -
Primeiros minutos intensos na Luz. O Benfica começou com a corda toda a partida mas aos poucos o Nacional começa a mostrar as garras e já ameaçou com muito perigo a área de Ederson. 

13 ' -
Cruzamento venenoso de André Almeida mas Nuno Campos tiroi a bola da área do Nacional. 

12' -
Livre de Gaitán mas João Aurélio estava atento e afastou o perigo. 

11' -
Amarelo para Salvador Agra após falta sobre André Almeida. Livre para os encarnados. 

9' -
Mas que perigo. Boa jogada de envolvimento do ataque do Nacional com Salvador Agra, em boa posição, a rematar com perigo mas para fora. 

7' - 
Livre de Pizzi, corte da defesa do Nacional. 

6' -
Falta de Boubacar sobre Mitroglou.

5' -
Há instantes, bom cruzamento de João Aurélio mas Jardel estava bem posicionado e cortou o lance.

3' -
Mais um canto para o Benfica. Na sequuência do lance, Gaitán cruzou mas Fejsa cabeceou para fora. 

2' -
Na sequência do canto de Pizzi, Luís Aurélio afastou a bola da área do Nacional. 

2' -  
Cruzamento tenso de Gaitán mas Rui Correia, no sítio certo, cortou a bola para canto.

1’ -
Começou a partida entre Benfica e Nacional da Madeira. Posse de bola para os insulares. 

-------------------------------
Boa tarde. Acompanhe a partir das 17 horas (BTV1) o jogo da 34.ª, e última, jornada da Liga nacional de futebol entre Benfica e Nacional da Madeira.

Os encarnados, líderes da prova com 85 pontos, recebem os insulares, que estão em 10.º com 38, no Estádio da Luz, em Lisboa, numa partida que será dirigida pelo árbitro Nuno Almeida, da Associação de Futebol do Algarve. 



Já é conhecido o onze do Benfica: Ederson, André Almeida, Lindelof, Jardel e Grimaldo; Fejsa, Talisca, Gaitán, Pizzi; Jonas e Mitroglou. Da equipa escolhida, realce para as presenças de Grimaldo, Talisca e Gaitán.

Relativamente os onze que defrontaram o Marítimo na última jornada, Eliseu e Renato Sanches ficam de fora devido a castigo, já Gaitán, recuperado de lesão, entra para a vaga de Carcela.  

Os suplentes do Benfica são Paulo Lopes, Luisão, Sílvio, Samaris, Carcela, Salvio e Jiménez. 

Também já é conhecido o onze inicial dos insulares: Gottardi, João Aurélio, Rui Correia, Alan e Mauro; Washingnton, Boubacar e Luís Aurélio; Salvador Agra, Campos e Soares. 

Os suplentes são Rui Silva, Miguel Rodrigues, Jota, Ricardo Gomes, Sequeira, Witi e Rodrigo Pinho. Sequeira lesionou-se no aquecimento e será substituído por Mauro. 

São esperadas 65 mil pessoas no Estádio da Luz.



Em caso de vitória, o Benfica irá conquistar o 35.º título do seu historial. Os bicampeões nacionais somam mais dois pontos do que o Sporting, que à mesma hora defronta o Sp. Braga.

Na antevisão à partida deste domingo, o treinador dos encarnados, Rui Vitória, garantiu que a equipa está 100% concentrada em vencer os insulares.

"A equipa está perfeitamente definida, mas não o vou adiantar, porque nunca o fiz. O nosso foco é o Nacional da Madeira, nada mais nos distraiu. Temos noção que será um bom adversário, que nos vai criar dificuldades. Nada mais nos move. Isso não interessa para nada. Não é secundário, é terciário. Só quero saber do Nacional. O Benfica tem vindo a ganhar muitos jogos e amanhã vai ser a mesma forma de pensar e de abordar esta competição. Queremos é ganhar, não quero saber se somos favoritos. É até à última gota de suor, com os nossos adeptos", garantiu.

Por seu turno, o técnico do Nacional, Manuel Machado, garantiu que os seus jogadores irão dar tudo para dignificar as cores do clube.

"Tudo o resto passa-nos ao lado, seremos na Luz o Nacional que sempre foi ao longo da época, porque a equipa é aquela que temos, por isso não há nada para inventar", lembrou, justificando que nunca seria à 34.ª jornada que os madeirenses iriam "alterar o quer que fosse". "Por isso, será com as mesmas ferramentas que utilizamos em todos os jogos, que vamos abordar este jogo frente ao Benfica, sem ter que alterar nada em termos de modelo ou da composição da equipa. Jogarão aqueles que me parecem ser os mais competentes", vincou o treinador da formação da Choupana.








Liga Benfica Nacional da Madeira desporto futebol Estádio da Luz
Ver comentários