Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Rio Ave trava líder na pedreira de Braga

Jogo equilibrado teve inúmeras oportunidades para ambas as equipa. Só um empate no clássico permite à equipa de Abel Ferreira liderança isolada.
Abel Sousa 7 de Outubro de 2018 às 02:56
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Braga e Rio Ave defrontaram-se em Braga para a I Liga
Excelente jogo este sábado à noite em Braga, com o Rio Ave a travar o líder da Liga com um empate (1-1), o que deixa a equipa de Abel Ferreira à mercê do que vão fazer este domingo Benfica e FC Porto no clássico (só empate mantém os minhotos na liderança isolada).

Como se previa, face à qualidade dos intervenientes, o jogo teve dinamismo e intensidade. E muito equilíbrio, até que aos 28’ o Sp. Braga adiantou-se no marcador, com um remate colocado de Ricardo Horta na sequência de uma boa jogada pelo corredor central.

Não durou muito essa vantagem bracarense. Seis minutos depois o Rio Ave aproveitou uma perda de bola de Sequeira. Coentrão desmarcou Gelson Dala que bateu Tiago Sá e fez o empate. 

Na segunda parte o Rio Ave entrou melhor e ficou próximo da vantagem aos 55’. Numa rápida jogada de transição, Galeno assistiu Gelson Dala e o remate do avançado só foi parado por uma grande defesa de Tiago Sá. O Sp. Braga respondeu à letra aos 67’, com Wilson Eduardo a proporcionar uma defesa incrível a Leo Jardim. Os minhotos cresceram, pouco depois o guardião do Rio Ave voltou a evidenciar-se e a sua equipa aguentou. No último minuto o árbitro não viu uma grande penalidade clara sobre Galeno.n

Abel Ferreira e José Gomes não terminaram o jogo no banco. Ambos os técnicos foram expulsos por protestos. Também Ricardo Esgaio, médio do Sp. Braga, viu um duplo amarelo e foi para o balneário mais cedo. Vilas Boas, diretor do Rio Ave, também foi expulso.
Ver comentários