Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Ronaldo e Real lambem as feridas

Espanhóis estiveram a vencer 4-0.
Filipe António Ferreira 26 de Novembro de 2015 às 22:08
Ronaldo é o melhor marcador da atual edição da Champions com sete golos
Ronaldo é o melhor marcador da atual edição da Champions com sete golos FOTO: Gleb Garanich/reuters
Uma equipa remodelada depois da humilhante goleada sofrida em casa com o Barcelona e um Cristiano Ronaldo de volta aos golos (2) e às assistências (2) foram suficientes para Real Madrid vencer fora o Shakhtar (4-3), em jogo da 5ª jornada do grupo A da Liga dos Campeões.

Já apurado, o conjunto espanhol surgiu na Ucrânia transfigurado com várias alterações face ao jogo do último sábado para a Liga espanhola. Casilla, Carvajal, Pepe, Casemiro e Kovacic foram titulares (Danilo derivou da direita da defesa para a esquerda) e o Real conseguiu impor-se, sem brilhantismos, perante um conjunto de Donetsk que ainda conseguiu importunar o Real no fim.

Ronaldo voltou a ser o homem em destaque na equipa de Rafa Benítez. Logo aos 2’ teve nos pés o golo, mas atirou por cima. Contudo a vantagem merengue surgiu aos 18’, quando Modric descobriu Bale na esquerda, que na tentativa de marcar acabou por oferecer um golo fácil ao português, atual melhor marcador da Champions com sete golos em cinco jogos.

Praticamente a abrir o segundo tempo, CR7 fez uma assistência perfeita para o remate fulminante do croata de Modric. A 20 minutos do final Ronaldo apontou o 4-0, após boa jogada individual de Bale na esquerda.

E quando se esperava o avolumar de golos merengues surgiu uma forte reação ucraniana .

Em 11 minutos o Shakhtar marcou três golos e aqueceu as bancadas do Estádio Lviv. Alex Teixeira (2) e Dentinho foram os autores dos primeiros golos sofridos pelo conjunto blanco na prova. Com esta vitória, o Real garantiu também o primeiro lugar do grupo.

Barcelona Cristiano Ronaldo Real Madrid Shakhtar grupo A Liga dos Campeões Ucrânia Liga
Ver comentários