Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Sporting de Braga deixa aviso ao FC Porto

Minhotos igualam dragões, antes do duelo entre ambos da próxima jornada.
Abel Sousa 5 de Novembro de 2018 às 01:30
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Jogadores do Sporting de Braga celebram vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Jogadores do Sporting de Braga celebram vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Sporting de Braga vence Vitória
Jogadores do Sporting de Braga celebram vitória

O Sp. Braga venceu este domingo o Vitória de Setúbal (2-1) e voltou a igualar o FC Porto na liderança, precisamente antes da visita ao Dragão, que acontece na próxima jornada. Um triunfo que chegou a ser algo sofrido, face à resposta qualificada do adversário no segundo tempo. O primeiro aviso para a baliza sadina surgiu logo aos 50 segundos, quando um remate de Fransérgio foi devolvido pela barra. Pouco depois do quarto de hora, o Sp. Braga marcou mesmo, pelo inevitável Dyego Sousa, que se antecipou a uma saída a destempo de Joel Pereira da baliza na sequência de um cruzamento de Goiano. O V. Setúbal respondeu de imediato com o empate, por Éber Bessa, que roubou a bola a Fábio Martins e bateu Tiago Sá. Um lance de exceção num jogo dominado pelos arsenalistas, que viram Joel Pereira evitar o golo de Fábio Martins, mas não o bis de Dyego Sousa, com novo cabeceamento irrepreensível, agora num cruzamento de Esgaio e batendo por antecipação Mano.

O segundo tempo foi diferente, com o V. Setúbal a instalar- -se no ataque e a criar duas boas ocasiões para empatar por Jhonder Cádiz, aos 58’, e por Éber Bessa aos 65’. Os avisos surtiram efeito na equipa da casa e Goiano esteve perto do golo que a poderia tranquilizar definitivamente, com um remate perigoso que passou pouco ao lado do poste. Como esse golo não surgiu, os sadinos acreditaram que poderiam arrancar um empate, mas havia de prevalecer a boa organização de uma equipa que chegará ao Dragão, na próxima jornada, com o rótulo de invencível, o que muito poucos se podem orgulhar na Europa do futebol.

Abel Ferreira expulso nos descontos
Abel Ferreira não acabou o jogo no banco de suplentes. O treinador do Sp. Braga foi expulso já nos descontos, por protestos, quando a sua equipa defendia a vantagem. Dyego Sousa marcou os dois golos dos bracarenses e valorizou o trabalho da equipa: "É sempre bom ajudar com golos e tenho de dar os parabéns à equipa. Foi uma vitória muito importante", disse o avançado no final do jogo.

Vidigal: "Faltou concretizar"
 "Fizemos um jogo muito rico taticamente, fomos intensos e resistentes. Na parte final final encostámos o Sp. Braga mas faltou concretizar as oportunidades", disse Lito Vidigal, treinador do V. Setúbal, depois da derrota.




Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)