Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

Colapso iminente na China faz soar alarmes

Pequim tem rejeitado um resgate do Evergrande, o que está a contagiar o sentimento dos investidores mundiais, num momento em que a S&P já admite uma situação de “default”.
Correio da Manhã 22 de Setembro de 2021 às 10:00
Evergrande
Evergrande FOTO: REUTERS
O colapso financeiro do gigante chinês Evergrande parece inevitável. Depois dos avisos sobre a crise de liquidez feitos pela própria empresa e de ter falhado já esta semana o pagamento de juros a, pelo menos, dois bancos, a agência de notação financeira Standard & Poor’s (S&P) emitiu uma nota na qual avisa os investidores de que o Evergrande deverá estar prestes a entrar em "default", numa crise cujas proporções estão ainda por calcular.

Saiba mais no Jornal de Negócios
China Evergrande economia negócios e finanças Informação sobre empresas
Ver comentários