Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

Proteção de dados rejeita pesquisas por NIF na nova base de dados do IRN

Pesquisa vai limitar-se ao nome e identificação civil.
Lusa 15 de Maio de 2018 às 11:23
Pedido de cartão de cidadão
Pedido de cartão de cidadão FOTO: Pedro Catarino

A Comissão de Proteção de Dados recomenda ao Governo eliminar pesquisas por números de contribuinte na nova base de dados de pessoas singulares do Instituto dos Registos e do Notariado, limitando as buscas ao nome e identificação civil.

A recomendação é dada num parecer, assinado na segunda-feira, ao projeto de portaria que regulamenta o regime jurídico do Registo Central do Beneficiário Efetivo (RCBE), que vai identificar todas as pessoas singulares que detêm propriedade ou controlo de uma pessoa coletiva.

"Deve ser alterado de modo a que as pesquisas à informação no RCBE sejam efetuadas mediante a indicação do nome e número de identificação civil, eliminando-se o preenchimento do dado número de identificação fiscal [NIF] de modo a garantir o cumprimento dos princípios da proporcionalidade e da minimização dos dados pessoais", afirma a Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNPD) no parecer.

Governo Comissão Nacional de Proteção de Dados Registo Central do Beneficiário Efetivo NIF política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)