Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
4

TVI pede desculpa ao Banif

Canal divulgou que banco ia ser intervencionado esta semana.
15 de Dezembro de 2015 às 18:34
Sérgio Figueiredo, diretor de informação da TVI
Sérgio Figueiredo, diretor de informação da TVI FOTO: Miguel Baltazar

A direção de informação da TVI pediu desculpas esta terça-feira pelas notícias que divulgou na noite de domingo e que indicavam que o Banif estava preparado para fechar e que haveria uma intervenção esta semana. Algo que a instituição financeira logo desmentiu de forma "categórica".

"Por estes motivos, a TVI envia desculpas aos seus espectadores, mas também aos accionistas, trabalhadores e clientes do Banif, pela difusão de um conjunto de informações que, embora cabalmente esclarecidas  no jornal ‘25ª hora’, emitido à meia-noite, poderão ter induzido conclusões erradas e precipitadas sobre os destinos daquela instituição financeira", indica uma nota da direcção de informação do canal de Queluz.

Em comunicado publicado no site do canal, a direção de informação liderada por Sérgio Figueiredo refere que "não pode deixar de lamentar que a informação que inicialmente foi veiculada, apesar de prontamente desenvolvida no contexto do serviço noticioso seguinte – a 25.ª hora - , não tenha sido totalmente precisa e esclarecedora, podendo ter contribuído para a formação da ideia de que a solução preparada pelo Estado para o Banif apontava para a integração imediata daquela instituição financeira na Caixa Geral de Depósitos, depois de colocados os ativos designados "tóxicos" num "banco mau" a criar."


A TVI garante que "a Direcção de Informação da TVI ponderou devidamente a divulgação da informação sobre a situação do referido banco, que considera matéria de relevante interesse público e jornalístico, tendo optado pela divulgação em texto de rodapé, na forma de 'última hora', por este tipo de informação ser normalmente suscetível de desenvolvimentos, de novos dados que aprofundam a notícia inicialmente divulgada".

A instituição bancária liderada por Jorge Tomé já tinha desmentido ontem em comunicado as informações avançadas pela TVI, alegando "que não só não correspondem à verdade como não têm qualquer espécie de fundamento". O Banif afirmou ainda que não deixará de apurar em sede judicial toda a responsabilidade dos autores de tais notícias e os que contribuíram para a sua propagação, na defesa dos melhores interesses dos seus clientes, colaboradores e accionistas.

TVI Banif Sérgio Figueiredo Caixa Geral de Depósitos Jorge Tomé economia negócios e finanças
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)