Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Brasil regista 204 mortos e mais de 3 mil infetados por coronavírus em 24 horas

Já morreram 1.736 pessoas no país.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 15 de Abril de 2020 às 22:41
Coronavírus
Coronavírus FOTO: EPA

O Brasil registou em apenas 24 horas mais 204 mortes pelo coronavírus e novos 3058 infetados pela doença. O número de mortes iguala o recorde registado até aqui num único dia, verificado na véspera, terça-feira, e o aumento de infeções é o maior já ocorrido no mesmo período no país desde o início da pandemia de Covid-19.

Com esses novos casos, divulgados pelo Ministério da Saúde em Brasília no final desta quarta-feira, o Brasil tem oficialmente até esta data 1736 pessoas mortas por coronavírus e 28.320 infetadas. Um dia antes, terça-feira, o boletim divulgado então pelo órgão atestava 1532 mortes e 25.262.

Como sempre desde o início da pandemia no país, São Paulo continua a ser a região mais afetada pela Covid-19. Esta quarta-feira, o número oficial de mortos no território paulista passou para 778, e o total de pessoas infetadas para 11.043.

Ainda de acordo com os dados divulgados esta quarta-feira, nos últimos sete dias o número de mortes por Covid-19 no Brasil cresceu 84%, mostrando que a pandemia continua a ganhar força no país. Apesar de ser uma doença associada principalmente aos mais idosos, os dados do ministério revelam que 27% das vítimas fatais tinham menos de 60 anos.

Na manhã desta quarta-feira, o Brasil foi surpreendido pelo pedido de demissão do secretário Nacional de Vigilância em Saúde, Wanderson Oliveira, responsável direto pela formulação das ações de combate ao coronavírus e um dos principais alvos dos ataques do presidente Jair Bolsonaro, que é contra a orientação do Ministério da Saúde em defesa de medidas de isolamento para atenuar a propagação do vírus. Aparentemente apanhado ele também de surpresa pelo pedido, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que se especula poder ser demitido a qualquer momento por Bolsonaro, foi falar com o seu secretário e conseguiu convencê-lo a ficar no cargo, ao menos por ora.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)