Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Casal não lava os dentes há dois anos e só come fruta

Tina convenceu o namorado a seguir o mesmo regime alimentar e tornaram-se frugívoros.
27 de Fevereiro de 2019 às 18:20
Simon Beun e Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Tina Stoklosa
Simon Beun e Tina Stoklosa
Tina Stoklosa, uma decoradora de interiores natural de Varsóvia, na Polónia, afirma que durante os últimos cinco anos apenas comeu fruta. Não satisfeita com as alterações bruscas de peso que sofria, a mulher decidiu fazer uma dieta detox em dezembro de 2013.

Segundo o jornal The New York Post, a mulher, de 39 anos, estava cansada de fazer dietas e não obter os resultados que pretendia. Fez uma pesquisa e encontrou, na Internet, um caso de uma rapariga que apenas comia fruta. Tudo começou quando descobriu um grupo de pessoas que se intitulavam de frugívogos. "A grande maioria deles parecia incrivelmente saudável e com muita energia. Fiquei intrigada e decidi fazer uma semana de detox onde apenas comi frutas", revelou ao jornal.

Os resultados foram imediatos e Tina decidiu mudar-se para Bali, na Indonésia, para procurar mais tipos de frutas, essencialmente, exóticas.

Foi nesse país, onde já vive há três anos, que encontrou o namorado Simon Beun, 26, natural de Izegem, Bélgica. Tornou-se 100% frugívora e não quis voltar a comer alimentos "normais". "Decidi nunca mais voltar à comida normal. Regular o meu peso tornou-se mais fácil com a fruta", afirma. 

Seguindo à risca este regime alimentar, o casal ingere duas a quatro mil calorias por dia e chega a comer 30 bananas num só dia. 

O casal revela ainda que não escova os dentes há dois anos porque a fibra da fruta lhes limpa os dentes. Além das vantagens da dieta no que toca à saúde oral, Tina Stoklosa e Simon Beun defendem que frugivorismo pode curar o cancro, a depressão e doenças crónicas.

"
Cura a depressão, doenças mentais e alivia a ansiedade. Cura todos os problemas digestivos crónicos. Existem milhares relatos de pessoas que curaram o cancro com esta dieta", acrescentam.

Tina Stoklosa e Simon Beun têm um canal na rede social YouTube, denominado "Fit Shortie Eats", onde partilham várias histórias das suas buscas por frutas exóticas e revelam um pouco do seu estilo de vida.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)