Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Dois membros do grupo "A Manada" condenados a três anos de prisão por gravarem violação

Antonio Manuel Guerrero e Alfonso Jesús Cabezuelo gravaram vídeos e tiraram fotografias da violação em grupo que ocorreu em Pamplona no ano de 2016.
20 de Novembro de 2019 às 10:29
Dois membros do grupo 'A Manada' condenados a três anos de prisão por gravarem violação
Dois membros do grupo 'A Manada' condenados a três anos de prisão por gravarem violação
A justiça espanhola condenou dois dos cinco membros do grupo "A Manada" a três anos e três meses de prisão, por gravarem a violação a uma jovem em 2016. Os homens também foram condenados a pagar uma multa de 5670 euros.

Antonio Manuel Guerrero e Alfonso Jesús Cabezuelo gravaram sete vídeos e tiraram fotografias da violação em grupo que ocorreu nas Festas de São Firmino, de Pamplona, no verão de 2016. Os magistrados consideraram os homens autores de um crime contra a intimidade.

Os dois elementos condenados esta quarta-feira tinham sido absolvidos em abril de 2018 do crime de gravação, mas o Tribunal Superior de Justiça ordenou que o caso fosse reexaminado.

Os cinco membros de "A Manada" cumprem uma pena de 15 anos de prisão por violação de uma jovem, em Madrid, um caso que se tornou conhecido em todo o mundo.
A Manada crime lei e justiça punição / sentença
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)