Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Família em risco de perder casa após ter salvo porco de abate

Arlo já se tornou a alegria da família e ajuda Georgie a controlar os seus níveis de ansiedade.
13 de Abril de 2019 às 18:13
Georgie sofre de um transtorno de personalidade e de stress pós-traumático e Arlo ajuda-a a diminuir os níveis de ansiedade
Arlo é a alegria da família
Arlo dorme todas as noites ao lado de Georgi
Georgie sofre de um transtorno de personalidade e de stress pós-traumático e Arlo ajuda-a a diminuir os níveis de ansiedade
Arlo é a alegria da família
Arlo dorme todas as noites ao lado de Georgi
Georgie sofre de um transtorno de personalidade e de stress pós-traumático e Arlo ajuda-a a diminuir os níveis de ansiedade
Arlo é a alegria da família
Arlo dorme todas as noites ao lado de Georgi
Uma família vegan que vive no Reino Unido está em risco de perder a casa depois de ter salvado um porco de ser abatido, há cerca de dois meses.

Georgie Williams, de 47 anos, revelou ao jornal Metro que a família encontrou Arlo numa quinta de criadores de porcos. Quando viram as condições "horríveis" onde os animais viviam decidiram comprar o porco, para que este não vivesse em sofrimento e não fosse abatido.

Arlo acabou por se tornar a alegria da família, ajudando a mulher que sofre de um transtorno de personalidade e de stress pós-traumático. Desde que adotou Arlo os seus níveis de ansiedade diminuiram.

"Ele está tão feliz connosco. Ele vive de abraços e de comida. Dorme ao meu lado todas as noites. É como um cão ou um gato", contaram ao jornal, afirmando que o animal estava em choque quando o adotaram.

Um vizinho acabou por fazer queixa às autoridades pela presença do porco no bairro social. Após a denúncia, a polícia propôs a Georgie uma data limite para retirar Arlo do bairro, caso contrário arriscariam-se a perder a casa.

Perante a atitude das autoridades, a filha mais nova de Georgie, Teddi, de 16 anos, decidiu criar uma petição nas redes sociais para impedir que Arlo seja retirado à família.

A campanha já tem mais de mil assinaturas, mas as autoridades garantem que a presença de um porco neste tipo de propriedades consiste numa "violação do arrendamento".

Reino Unido Arlo questões sociais animais abate de animais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)