Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Há 100 anos registou-se a temperatura mais alta de sempre

O deserto norte-americano no Vale da Morte registou uma temperatura de 56,7 graus Celsius em 1913, o valor mais alto de sempre na superfície do nosso planeta. Hoje em dia, no local fritam-se ovos no meio do deserto.
11 de Julho de 2013 às 01:30
Celebrou-se ontem o 100º aniversário da maior temperatura de sempre
Celebrou-se ontem o 100º aniversário da maior temperatura de sempre FOTO: Mariline Alves

Foi no Parque Nacional do Vale da Morte, nos Estados Unidos, que se verificou a temperatura mais alta de sempre: 56,7 graus. E ontem, quarta-feira, o parque celebrou os 100 anos deste acontecimento.

Situado no leste da Califórnia, este parque abrange uma vasta área de deserto e é conhecido pelas altas temperaturas que ali se fazem sentir. É certo que em 10 de julho de 1913 foi registado a maior temperatura, mas os elevados valores são tão comuns que os turistas que por lá passam são estritamente avisados para se manterem hidratados, manterem o ar condicionado no máximo caso viajem em automóvel e… para não fritarem ovos no chão.

Não, a sério.

Os responsáveis do parque publicaram na sua página do Facebook uma mensagem onde se lê que a equipa de manutenção tem estado bastante ocupada com a limpeza e remoção de ovos colados ao chão. Veja este vídeo:

 

 

“Este é o vosso parque nacional, por favor ponham o lixo no caixote ou nos contentores de reciclagem ao vosso dispor e não partam ovos no chão”, lê-se na mensagem.

Mas, ao contrário do que se possa pensar depois de ler esta mensagem, a tentativa de fritar um ovo sob o sol abrasador do deserto até é uma ideia encorajada pelos responsáveis, desde que as pessoas o façam numa frigideira ou em papel de alumínio, tal como é exemplificado num vídeo disponibilizado no YouTube (que pode ver no final do texto) por um dos funcionários.

Há vários anos que o Vale da Morte é um dos locais populares para se fritar ovos ‘ao natural’, por ser um dos locais mais quentes do planeta. Este deserto apresenta temperaturas acima dos 32 graus a uma média de 189 dias por ano. É também por causa disso que recebeu o seu nome ameaçador.

Em meados do séc. XIX, durante a corrida ao ouro na costa oeste, foram vários os prospetores que alcunharam o vale por causa do seu excessivo calor, apesar de só haver registo de uma morte até ao final do século.

É também neste deserto que se encontra o local com a menor altitude do continente norte-americano, a 86 metros abaixo do nível das águas do mar.

Em 1933, Herbert Hoover, então presidente dos EUA, decretou o Vale da Morte como um local protegido, ganhando o estatuto de Monumento Nacional, passando a Parque Nacional em 1994 sob a administração Clinton.

RECORD COM MAIS DE 100 ANOS, APENAS RECONHECIDO EM 2012

Até ao ano passado, 58 graus era considerada a temperatura mais alta de sempre, registada em El Azizia, a 13 de setembro de 1922, numa base militar italiana. No entanto, a Organização Mundial de Meteorologia concluiu que houve falhas durante a verificação desse registo e o record passou para o deserto do Vale da Morte.

Saiba onde e quando se registaram as 10 temperaturas mais altas de sempre

  • 56,7ºC – Vale da Morte, EUA: 1913
  • 55ºC – Kebili, Tunisia: 1931
  • 53,6ºC – Sulaibya, Kwait: 2012
  • 53,5ºC – Mohenjo-daro, Paquistão: 2010
  • 53ºC – Tirat Zvi, Israel: 1942
  • 52ºC – Sonora, México: 1951
  • 52ºC – Basra, Iraque: 2010
  • 52ºC – Jeddah, Arábia Saudita: 2010
  • 50,7ºC – Oodnadatta, Austrália: 1960
  • 50,6ºC – Província de Tamanrasset, Algéria: 2002

Em Portugal, o valor máximo foi de 47,4 graus Celsius, em 2003, na Amareleja, no concelho de Beja.

Já no Pólo Sul, a temperatura mais alta verificada foram 12,3 graus negativos, no dia de Natal de 2011.

 

Clique na foto em baixo para ficar a saber 10 sugestões para se proteger do sol de forma saudável

Clique na foto em baixo para ficar a saber 10 sugestões de roupas para os dias de maior calor

Clique na foto em baixo para ficar a saber quais as 10 bebidas ideais para o verão

Clique na foto em baixo para ficar a saber 10 sugestões para proteger o seu animal de estimação do calor no verão

Clique na foto em baixo para ver a fotogaleria das melhores praias fluviais em Portugal

Clique na foto em baixo e "Saiba como mergulhar em segurança"

COMO EVITAR CANCRO DE PELE

Sabe sempre bem ir à praia e à piscina apanhar um pouco de sol. Mas cuidado, não exponha a sua pele às radiações solares sem primeiro tomar as devidas precauções.

Clique na foto em baixo para saber "Dez dicas para tornar o sol fonte de prazer"

BANDEIRA AZUL EM 277 PRAIAS

Portugal vai ter este ano 277 praias com bandeira azul, uma distinção dada a todas as praias que cumpram um conjunto de requisitos de qualidade ambiental e bem-estar. O Algarve lidera o ranking português com 69 bandeiras azuis hasteadas.

Clique na foto em baixo para ver a notícia "Algarve lidera com 69 praias"

DEZ HOTÉIS DE LUXO MAIS BARATOS EM PORTUGAL

Se quiser aproveitar o próximo fim-de-semana para passear dentro do País sem dispensar a praia, mas tem pouco dinheiro, fique a conhecer os dez hotéis de luxo mais baratos em Portugal, mesmo junto à costa.

Clique na foto em baixo para ficar a conhecer "Os dez hotéis de luxo mais baratos em Portugal perto da praia"

CONFIRME AS TEMPERATURAS NAS 20 MELHORES PRAIAS DO MUNDO

Conheça as 20 melhores praias do mundo, selecionadas pelo site de viagens ‘Traveller's Choice', e fique a saber as temperaturas nestes locais paradisíacos no fim-de-semana.

Clique na foto para ficar a conhecer as 20 melhores praias do mundo

AS 20 MELHORES PRAIAS PARA NUDISTAS EM PORTUGAL

Deixando os preconceitos de lado, pessoas de todas as idades recorrem a praias naturalistas para fazer nudismo sem ser alvo de olhares indiscretos.

Clique na imagem abaixo e conheça as 20 melhores prais para fazer nudismo em Portugal

Clique na imagem e aprenda a lidar com o calor extremo

Clique na imagem e veja como as praias portuguesas têm estado cheias em dias de calor extremo

Temperatura Vale da Morte EUA parque nacional 100 anos Califórnia
Ver comentários