Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Inundações na Europa já causaram 157 mortes. Maioria das vítimas registam-se na Alemanha

Centenas de pessoas estão desaparecidas e um deslizamento de terras derrubou vários edifícios.
Lusa 17 de Julho de 2021 às 08:39
Cheias varreram cidades na Alemanha
Cheias varreram cidades na Alemanha FOTO: Thilo Schmuelgen/Reuters
O número de vítimas mortais na sequência das fortes chuvadas e inundações que estão a fustigar a parte da Europa Central aumentou para 133 na Alemanha, elevando para 153 o número de mortes na Europa.

Na Bélgica, já se somam pelo menos 24 vítimas mortais.

"Segundo informações atualizadas, 90 pessoas perderam a vida durante a catástrofe" na região da Renânia-Palatinado, uma das mais afetadas, indicou este sábado a polícia, em Koblens, citada pela AFP.

As autoridades admitem que possa haver mais mortos, uma vez que ainda há dezenas de pessoas desaparecidas nessas duas regiões, em especial numa localidade próxima de Colónia, onde um grande deslizamento de terras derrubou vários edifícios.

Na Holanda, os serviços de emergência mantém o alerta máximo este sábado devido ao mau tempo. Cidades e vilas da província de Limburg, no sul do país, estão ameaçadas pelo transbordo dos rios.

Nos últimos dois dias, dezenas de milhares de residentes na região foram evacuados por precaução, enquanto militares e bombeiros trabalham para manter a ordem.

Europa Central Alemanha acidentes e desastres
Ver comentários