Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Menino autista expulso de avião da Ryanair por causa de boneca

Mãe da criança recusou-se a pagar bagagem de mão pelo brinquedo.
29 de Abril de 2019 às 20:40
Leo e Helen Estella
Leo e Helen Estella
Leo e Helen Estella
Leo e Helen Estella
Leo e Helen Estella
Leo e Helen Estella

Um rapaz de 15 anos e a mãe foram expulsos de um avião da companhia Ryainar, que fazia a ligação entre Alicante, em Espanha, e o Reino Unido, na última sexta-feira.

O caso tornou-se conhecido depois da mãe do menor ter denunciado a situação insólita nas redes sociais. Helen Estella ter-se-á recusado a pagar um valor extra de "bagagem de mão" pela boneca que o adolescente transportava consigo.

Na publicação do Facebook, Helen avançou que Leo sofre de autismo profundo e desloca-se sempre acompanhado pelo brinquedo. À entrada do avião da companhia Low Cost, mãe e filho ter-se-ão deparado com o pedido de 29 euros extra pela boneca, considerada "mala de mão".

"Este é meu filho Leo, tem 15 anos, sofre de autismo profundo e tem a capacidade mental de uma criança de 3 anos. Esta noite a Ryanair recusou-se a deixá-lo voar para casa porque estava perturbado por não o deixarem ficar com a sua boneca e exigiram o pagamento de uma taxa de bagagem", pode ler-se.

Na publicação, Helen garante ainda que a polícia foi chamada ao local e cercaram mãe e filho. Devido à sua condição de saúde, o menino ficou muito perturbado com a situação.

"Se tivessem alguma consciência sobre o que é autismo, saberiam que isso resultaria numa crise nervosa. A assistência especial foi solicitada, uma vez que nem todas as deficiências são visíveis, mas foi-nos negada pela Ryanair porque Leo conseguia andar. Ele teve de ser levado ao médico do aeroporto e medicado", continuou.


Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)