Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Mulher morre após receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19

Mary Green recebeu a primeira dose da vacina na véspera de Ano Novo e em menos de uma semana testou positivo à Covid-19.
Correio da Manhã 25 de Janeiro de 2021 às 14:17
Vacina contra coronavírus
Vacina contra coronavírus FOTO: Getty Images

Uma mulher de 92 anos morreu infetada com a Covid-19 após contrair a doença cinco dias depois de receber a vacina contra a infeção, avança o DailyMail.

Mary Green recebeu a primeira dose da vacina na véspera de Ano Novo, em Inglaterra, e em menos de uma semana testou positivo à Covid-19. A mulher é portadora de uma condição de demência e por isso, os médicos do lar onde residia consideraram que a saúde de Mary estava muito debilitada para um tratamento evasivo e que a ida para o hospital poderia ser demasiado confusa. 

A família optou por manter a mulher em casa, acabando por morrer 12 dias depois de ficar infetada com a Covid-19.

Segundo o DailyMail os cientistas "dizem que leva cerca de duas semanas para que as vacinas atinjam a imunidade" e que são necessárias duas doses para atingir essa imunidade contra a Covid-19. 

Os ensaios da vacina da farmacêutica Pfizer demonstram que são necessários 21 dias entre a administração da primeira e a segunda dose das vacinas. 



 
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Covid-19 Mary Green saúde questões sociais medicina preventiva morte
Ver comentários