Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

“O teu inferno está a começar”

Michelle Knight, uma das vítimas do sequestrador, fez discurso emotivo em tribunal
2 de Agosto de 2013 às 01:00
Castro, agora de algemas, usava correntes para prender as vítimas a um poste enquanto as violava
Castro, agora de algemas, usava correntes para prender as vítimas a um poste enquanto as violava FOTO: Aaron Josefczyki/Reuters

O sequestrador de Cleveland, Ariel Castro, foi ontem condenado a prisão perpétua mais 1000 anos de cadeia sem direito a liberdade condicional por rapto, violação e aprisionamento de três mulheres durante 11 anos, e ainda homicídio, por ter forçado uma das vítimas a abortar cinco vezes.

Presente na leitura da sentença, Michelle Knight, a vítima que esteve em cativeiro mais tempo, afirmou que passou "11 anos no inferno" mas que o inferno de Ariel Castro estava "prestes a começar".

O sequestrador pediu desculpa às vítimas mas não mostrou remorsos, afirmando mesmo que não era "um monstro, mas sim uma pessoa doente".

Na sessão, foram mostradas imagens da "casa dos horrores" em que Castro manteve as vítimas presas, incluindo fotografias do poste e das correntes que usava para as prender, bem como do capacete que as forçava a usar quando as violava.

ariel castro inferno cleveland eua michelle knight
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)