Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Papa Francisco canonizou quatro religiosas

Duas são palestinianas.
17 de Maio de 2015 às 13:20
Cerimónia de caninozação
Cerimónia de caninozação FOTO: Angelo Carconi/EPA

O papa Francisco declarou este domingo "santas" quatro religiosas que viveram no século XIX, duas palestinianas, uma francesa e uma italiana, incentivando a multidão que o ouvia a seguir o seu "exemplo luminoso".

Mariam Bawardi (1846-1878), Marie-Alphonsine Ghattas (1843-1927), Jeanne-Emilie de Villeneuve (1811-1854) e Maria Cristina dell'Immacolata (1856-1906), foram canonizadas no decorrer da missa rezada na praça de S.Pedro, no Vaticano.

Perante uma multidão de fiéis e debaixo de um sol forte, o papa enalteceu o percurso das quatro religiosas, "modelos de santidade, que a Igreja convida a imitar" e cujos retratos eram visíveis na fachada da basílica.

"Permanecer em Deus e no seu amor, para anunciar com palavras e com a vida a ressurreição de Jesus, testemunhando a unidade entre nós e o amor dedicado a todos: foi o que fizeram as quatro santas hoje proclamadas", salientou.

Na sua homilia, o pontífice evocou as personalidades de cada uma das mulheres, perante responsáveis políticos como o presidente palestiniano Mahmoud Abbas e o ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve.

As duas religiosas palestinianas são as primeiras canonizadas da Palestina.

Francisco praça de S.Pedro Igreja Jesus papa francisco canonização santas paletinas
Ver comentários