Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Morta por colega ao negar namoro

Homicida de Alexia Silva Costa, de 15 anos, é colega de escola
Sérgio A. Vitorino 30 de Abril de 2016 às 02:45
Alexia Costa, de 15 anos, foi assassinada em França
Alexia Costa, de 15 anos, foi assassinada em França FOTO: DR
Alexia Silva Costa, de 15 anos, recusou-lhe o pedido de namoro. O colega de escola, um ano mais velho, ficou furioso. Estrangulou, esfaqueou e matou à pancada a filha de um emigrante português. O crime, que chocou a ilha de Oléron, no sudoeste de França, ocorreu a 1 de fevereiro e o homicida, de 16 anos, foi detido quarta-feira. Está preso.

A autópsia confirmou que Alexia Silva Costa não foi abusada sexualmente. O corpo foi encontrado a 10 de março, após 40 dias de buscas que envolveram polícia, bombeiros e militares. Estava escondido sob a vegetação junto a um pequeno charco, no caminho da escola para casa da vítima.

De acordo com a procuradoria de La Rochelle, o jovem assumiu o homicídio brutal e justificou-o com a recusa de Alexia em ceder aos seus "avanços amorosos", seguida de "uma fúria imensa". O homicida não tem cadastro criminal ou psiquiátrico. As autoridades apenas lhe apontam uma "forte dependência de canábis".

Na sua confissão, o homicida descreveu o crime ao pormenor: começou por dar vários murros na face de Alexia, estrangulou-a e desferiu-lhe várias facadas no abdómen, garganta e várias partes do corpo. Depois, "escavou o chão com as próprias mãos, escondeu o corpo e dissimulou-o com ramos". Levou o telemóvel e os auscultadores da vítima e fugiu. Foi apanhado na posse destes bens.

Alexia foi vista pela última vez quando seguia a caminho de casa. A mala e a bicicleta foram recuperadas pela polícia.

Alexia Silva Costa Oléron França La Rochelle questões sociais crime lei e justiça crime morte
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)