Novo motim na prisão de Custóias leva guardas a disparar balas de borracha

Reclusos recusaram-se a almoçar e começaram a arremessar objetos, em Matosinhos.
Por Miguel Curado|05.12.18

Cerca de 400 reclusos, das alas A e B da prisão de Custóias, em Matosinhos, amotinaram-se à hora de almoço desta quarta-feira. Ao que o CM apurou, os reclusos recusaram-se a ir para o refeitório e começaram a causar distúrbios.

Os cerca de 30 guardas prisionais presentes recorreram a equipamento anti-motim e fizeram disparos com balas de borracha.

Os reclusos foram posteriormente fechados à força nas celas e acabaram por não almoçar, confirmou ao CM Jorge Alves, Presidente do Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!