Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Bombeiros reclamam 35 milhões de euros ao Ministério da Saúde

Liga alerta para o "risco iminente da interrupção da prestação do serviço".
J.T. 9 de Fevereiro de 2019 às 10:16
Ameaça de rutura financeira
Bombeiro
Bombeiros
Ameaça de rutura financeira
Bombeiro
Bombeiros
Ameaça de rutura financeira
Bombeiro
Bombeiros
A Liga dos Bombeiros reclama 35 milhões de euros ao Ministério da Saúde e alerta para o "risco iminente da interrupção da prestação do serviço".

Uma dívida que, na maior parte, é dos hospitais, deixando os bombeiros à beira da "rutura financeira".

Em comunicado, a Liga dos Bombeiros quer ainda ver reduzido o tempo de permanência dos bombeiros nos hospitais para recuperar as macas retidas nas urgências.

A espera pelas macas chega a ascender às sete horas, o que impossibilita os bombeiros de irem a outros serviços.

A Liga recorda que é responsável por 98 por cento do transporte de doentes não urgentes, socorro em acidentes e outras intervenções de pré-hospitalar.
Liga dos Bombeiros Ministério da Saúde saúde acidentes e desastres organizações de socorro
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)