Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Bombeiros retiram corpo das águas do Rio Cávado

Um homem de 30 anos morreu afogado, ontem à tarde, no Rio Cávado, na freguesia de Palmeira, Braga, num lugar conhecido como Ponte do Bico.
17 de Julho de 2006 às 00:00
A vítima, residente em Braga, estaria a tomar banho, juntamente com vários familiares e amigos quando, por volta das 15h30, uma descarga de uma pequena barragem que existe a poucos metros, o terá arrastado para um lugar do leito do rio com bastante profundidade.
“A água subiu de repente e ele, que estava a nadar aqui na beirinha, perdeu o pé e afogou-se”, disse ao Correio da Manhã uma irmã da vítima, que não cessava de chorar e gritar, referindo que vai “pedir responsabilidades”.
“Até uma criancinha de quatro anos, que nem sequer estava na água, foi arrastada. Por sorte, conseguimos agarrá-la a tempo”, disse a mulher em lágrimas.
Um responsável da Agere, a empresa de águas e saneamento de Braga, disse ao Correio da Manhã que na albufeira de captação, no Rio Cávado, são efectuadas descargas periódicas e de forma automática, sendo por isso, toda a zona a jusante, interdita a banhos.
“Os avisos estão bem visíveis, mas as pessoas não querem saber e, infelizmente, as tragédias acontecem”, disse este responsável.
Também a Câmara Municipal de Braga lembra que a zona a jusante da albufeira da Ponte do Bico é interdita a banhos, sublinhando que existe uma praia fluvial, com vigilância contínua, nos meses de Verão, em Adaúfe, cerca de um quilómetro a montante do local da tragédia.
Oito mergulhadores do regimento de Bombeiros Sapadores de Braga e Voluntários de Amares iniciaram as buscas por volta das 16h00. Encontraram o corpo da vítima 50 minutos depois: o cadáver estava a cinco metros de profundidade, a 30 metros do local do afogamento .
SOCORRO CHEGA FORA DE TEMPO
As águas interiores não têm vigilância e quando os bombeiros recebem o alerta não chegam a tempo de evitar a tragédia. Entre lagoas, barragens, rios e afluentes, mas também nas praias, 19 pessoas morreram afogadas nos últimos meses em Portugal. E a maior parte são crianças ou jovens, muitos por não saberem nadar – arrastando em alguns casos para o fundo adultos que se atiram em socorro. Foi o caso de Jorge Antunes, anteontem, ao tentar salvar a filha de sete anos depois de esta ter caído junto a uma margem do Rio Ave. Outros casos são originados por brincadeiras, como a do jovem de 19 anos que, na última quinta-feira, se afogou no Rio Douro, Porto, depois de uma aposta de velocidade com um amigo.
19 MORTOS DESDE JANEIRO DESTE ANO
15 DE JULHO
Rio Ave, em Lugar de Quintela, Taíde, Póvoa do Lanhoso.Pai e filha, de 30 e sete anos, afogados nas águas do rio. A menina escorregou numa pedra e caiu à água. O pai também morreu ao tentar salvá-la.
15 JULHO
Rio Douro, em Avintes, Gaia. Rapaz de 16 anos tomava banho sem saber nadar. Ficou sem pé e morreu.
15 DE JULHO
Praia do Corgo, Matosinhos. Rapaz de 15 anos estava com o irmão quando foi levado por uma onda.
13 DE JULHO
Margem do Rio Douro, Porto. Jovem de 19 anos afogou-se, depois de uma aposta com um amigo.
9 DE JULHO
Praia da Aguda, em Gaia. Rapaz de 17 anos desapareceu no mar quando tomava banho.
21 DE JUNHO
Ribeira da Herdade das Parchonas, Torrão, Alcácer do Sal. Rapaz de 13 anos tentava atravessaruma ponte, numa visita de estudo, quando caiu à água. Afogou-se.
16 DE JUNHO
Fluente do Rio Lena, Porto de Mós, em Leiria. Pai e filho, 49 e 14 anos, foram atingidos e levados por uma tromba de água.
11 DE JUNHO
Lagoa da Ervideira, Leiria. Rapaz de 15 anos afogado durante actividades de um campo de férias.
11 DE JUNHO
Praia da Estela, P. de Varzim. Rapaz de 15 anos afogado em mar revolto.
10 DE JUNHO
Praia da Barra, Ílhavo. Jovem de 18 anos não sabia nadar e desapareceu no mar.
4 DE JUNHO
Rio Zêzere, Almegre, Cernache do Bonjardim, na Sertã.
Dois pescadores desportivos, de 30 e 40 anos, caíram ao mar e afogaram-se.
30 DE MAIO
Lagoa Serra de Canelas, Gaia. Rapaz de 12 anos brincava com amigos quando caiu à água. Não sabia nadar.
28 DE MAIO
Barragem do Torrão, no Tâmega, Marco de Canaveses.
Dois rapazes, 14 e 16 anos, caíram de um barco e afogaram-se.
27 DE MAIO
Rio Sabor, perto de Bragança. Menino de 9 anos escorregou e caiu ao rio. Ficou submerso e preso nas rochas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)