Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Bruxo escondia fortuna em casa

O bruxo de Rio de Moinhos tinha uma fortuna em casa. O dinheiro, que terá motivado o bárbaro crime, estaria escondido em latas de café e também nos buracos das paredes do casebre onde vivia, sem água e sem luz. É essa a convicção dos moradores daquela a freguesia do concelho de Penafiel, onde Agostinho vivia e recebia clientes.
24 de Outubro de 2009 às 00:30
Bruxo escondia fortuna em casa
Bruxo escondia fortuna em casa FOTO: Alexandre Panda

"Ele escondia o dinheiro dentro de casa e toda a gente sabia disso. Havia dias em que ele recebia 20 ou 30 pessoas. Ao fim de um mês dá elevadas quantias", explicou ao CM um habitante que preferiu manter o anonimato. A prova é que recentemente o homem comprou uma vivenda de 135 mil euros, sem recorrer a qualquer tipo de empréstimo.

O bruxo, que fazia questão de viver sem luxos, ofereceu a casa a uma familiar. Agostinho Moreira não tinha uma tabela de preços definida. "Ele aceitava o que as pessoas lhe davam. Estive lá um dia antes de ele ser assassinado e dei-lhe cinco euros", contou ao CM Júlia Augusta, de 72 anos.

O homem era conhecido por conseguir "inverter feitiços, desarmar bruxedos ou macumbas e também melhorar a saúde com rezas a Deus e sessões espirituais".

"SALVOU A MINHA QUERIDA FILHA DA MORTE"

António Soares, um amigo do bruxo de Rio de Moinhos, não tem dúvidas de que o homem tinha poderes sobrenaturais. "Salvou a minha filha da morte. Alguém nos deitou mau-olhado com um sapo que nos foi deixado na cozinha.A minha filha deixou de comer durante dias. Com algumas horas de rezas ele conseguiu salvá-la", explicou o amigo. Já em Castelo de Paiva o homem tinha fama de fazer magia negra. "Era de noite. Ele deitou um feitiço para o jardim de uma mulher que tinha problemas com uma cliente dele. Toda a gente o reconheceu", disse um habitante.

PORMENORES

FUNERAL

O bruxo vai hoje a enterrarno cemitério da freguesia de Rio de Moinhos, em Penafiel.

AUTÓPSIA

Os exames ao corpo do bruxoforam realizados ontem à tarde no Gabinete de Medicina Legal.

IRMÃO INTERNADO

Manuel Moreira continua internado no hospital, onde deve ficar vários dias.

INVESTIGAÇÃO

A PJ ainda não deteve nenhum suspeito da morte do bruxo.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)