Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Casos de violência doméstica disparam no Algarve

Algarve registou a maior taxa de incidência de crimes por cada mil habitantes no continente, em 2017.
José Carlos Eusébio 8 de Abril de 2018 às 10:00
Violência doméstica
Violência
Violência doméstica
Violência doméstica
Violência
Violência doméstica
Violência doméstica
Violência
Violência doméstica
O Algarve é a região do continente com maior taxa de incidência de crimes de violência doméstica por cada mil habitantes, segundo dados do Relatório Anual de Segurança Interna 2017, que foi recentemente divulgado pelo Governo. O número de casos registou um aumento de 6,3% no ano passado, em comparação com 2016.

De acordo com o relatório, foram contabilizados, no ano passado, um total de 1459 ocorrências, enquanto em 2016 tinham sido contabilizadas 1372 (ou seja, houve mais 87 casos). Em termos percentuais, só o distrito da Guarda registou um aumento maior (10,2%) do que o de Faro (6,3%).

A taxa de incidência na região algarvia cifrou-se em 3,3 por cada mil habitantes, sendo este valor muito superior à média nacional, que foi de 2,59. As outras zonas do continente português com uma taxa acima da média foram Lisboa (2,8), Portalegre (2,76), Setúbal (2,73) e Porto (2,61).

Entretanto, a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) deu apoio, no ano passado, a 920 pessoas na região algarvia, muitas das quais vítimas de violência doméstica.

PORMENORES
Madeira e Açores
Só a Madeira e os Açores têm um taxa de incidência de crimes de violência doméstica superior à registada no Algarve.

Mulheres
No conjunto do País, as mulheres representaram 79% do total de vítimas de violência contabilizadas no ano passado.

Detenções
Foram detidos pelas forças de segurança 703 suspeitos, no decurso do ano passado, segundo consta do relatório.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)