Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Cilindro esmaga jovem operário

Luís Silva, de 22 anos, morreu quando ultimava obra que seria inaugurada ontem à tarde.
18 de Agosto de 2013 às 01:00
O jovem de 22 anos morreu ontem debaixo da máquina de alisamento de terras que manobrava
O jovem de 22 anos morreu ontem debaixo da máquina de alisamento de terras que manobrava FOTO: DR

O dia de ontem seria de festa para a vila de Alpendorada e Matos, em Marco de Canaveses, com a inauguração do novo parque de lazer junto à barragem do Torrão. Acabou, contudo, por se tornar trágico, quando um jovem, de 22 anos, que se encontrava a ultimar os pormenores da obra, morreu esmagado por um cilindro.

Eram 09h14 quando a Cruz Vermelha de Alpendorada recebeu o alerta. Luís Carlos Peixoto da Silva – funcionário de uma empresa ligada à construção civil – já estaria a preparar se para arrumar o cilindro, quando a máquina resvalou por uma ravina. Ninguém terá assistido ao acidente, mas tudo indica que a vítima foi projetada e esmagada pelo próprio cilindro. Os colegas ainda chamaram os socorristas, mas o jovem teve morte imediata.

A família ficou em estado de choque com a notícia. "Ainda nem dá para acreditar no que aconteceu", lamentou uma tia da vítima. "Era trabalhador e bom rapaz. Muito humilde", referiu um colega de trabalho. O corpo foi transportado ao IML de Penafiel.

A inauguração do parque foi adiada. "É um dia triste, não há condições para a inauguração. Decidimos adiar por uma semana, por respeito", disse Manuel Moreira, presidente da Câmara do Marco.

máquina cilindro morte Marco de Canaveses Alpendorada
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)