Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Menor drogado e violado em WC do metro

Rapaz de 17 anos ficou sem capacidade de reação.
Nelson Rodrigues 30 de Novembro de 2015 às 12:23
Vítima e suspeitos conheceram-se no bar Pride (foto).  Crimes tiveram lugar na estação do Marquês
Vítima e suspeitos conheceram-se no bar Pride (foto). Crimes tiveram lugar na estação do Marquês FOTO: CMTV
Alcoolizado, o jovem, então com 17 anos, dirigia-se para o metro na companhia de dois rapazes que tinha acabado de conhecer no bar Pride, no Porto – um deles trabalhava no espaço noturno gay como bailarino ‘drag queen’.

Já na estação do Marquês, os dois arguidos levaram a vítima para uma casa de banho e enrolaram um cigarro com uma droga não apurada pelo Ministério Público. Deram-no a fumar ao rapaz, que ingeriu ainda uma bebida que o deixou sem capacidade de reação. Foi abusado sexualmente e abandonado no chão do WC durante mais de duas horas – altura em que conseguiu pedir socorro.


O caso ocorreu a 16 de março de 2013 e ambos estão acusados de abuso sexual de pessoa incapaz de resistência. Segundo o processo, o ‘drag queen’, de 25 anos – natural de Bragança e que, em 2011, anunciou que iria participar na ‘Casa dos Segredos’, da TVI, o que não se verificou – e o amigo, de 23, "agiram na execução de um plano".

Já no WC, a vítima disse não estar a sentir-se bem e implorou que chamassem uma ambulância – o que os arguidos não fizeram. Enquanto o ‘drag queen’ o obrigou a sexo oral, o outro beijou-o em várias partes do corpo. O crime ocorreu pelas 06h00, mas só às 08h30 o jovem se conseguiu levantar. Foi transportado para o hospital de S. João.

bar Pride Porto Ministério Público Bragança TVI hospital de S. João
Ver comentários