Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Espanca mulher e agride polícias

Suspeito agrediu vítima na residência a murro e pontapé.
Ana Palma e Tiago Griff 5 de Julho de 2015 às 01:11
agressor foi detido pela PSP depois de espancar a mulher e bater nos polícias
agressor foi detido pela PSP depois de espancar a mulher e bater nos polícias FOTO: Marta Vitorino
Pouco passava das 03h00 da madrugada de ontem quando os gritos de socorro da mulher acordaram os moradores da rua Trabucho Alexandre, na zona das Cardosas, em Portimão. A vítima, de 58 anos, estava a ser agredida, a murro e a pontapé, pelo marido, de 57. O agressor acabou por ser detido pela PSP de Portimão, depois de ter ameaçado e agredido os agentes que foram ao local.

Segundo o CM apurou junto de fonte do Comando de Polícia de Faro, foi o filho da vítima, de 27 anos, quem deu o alerta. Quando os agentes – uma mulher e dois homens – chegaram ao local, depararam-se com a vítima, ensanguentada, a pedir ajuda. "Vão-se embora daqui! Não se metam nisto, que é entre marido e mulher" avisou o agressor, quando viu os polícias, ao mesmo tempo que tentava agredir, mais uma vez, a mulher.

Os agentes atuaram de imediato, no sentido de acabar com as agressões, mas foram , por sua vez, esmurrados e pontapeados. Um deles ficou ainda com a roupa rasgada. Devido à violência manifestada pelo suspeito, os agentes tiveram de usar gás-pimenta para o controlar e deter. Esta foi a quinta vez que foi detido por violência doméstica. Tinha uma faca, que não usou.

A vítima foi transportada ao hospital de Portimão, para receber tratamento. Já teve alta.

espanca agressão mulher polícias suspeito Cardosas ameaça hospital