Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Furtam 100 mil € e são apanhados

Assaltantes venderam numa sucata em Águeda o material furtado numa empresa de eletrónica de Guimarães. GNR recuperou quase tudo o que foi furtado.
6 de Maio de 2014 às 15:44
carro, Águeda, ladrões, GPS, carro, Guimarães, furto, roubo
carro, Águeda, ladrões, GPS, carro, Guimarães, furto, roubo

Em poucos minutos dois homens de 23 e 30 anos assaltaram as instalações de uma empresa de eletrónica de Guimarães e furtaram cerca de 100 mil euros em equipamentos informáticos, cobre e várias máquinas. Para fugir usaram uma carrinha da empresa que tinha localização por GPS e foram detidos pelo Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da GNR de Guimarães, poucas horas depois em Oiã, Oliveira do Bairro, onde têm família e amigos. Os suspeitos de nacionalidade romena serão presentes hoje ao Tribunal de Guimarães para serem ouvidos em primeiro interrogatório judicial.

O assalto às instalações da Electrominho, na freguesia de S. João de Ponte, na madrugada de sábado, foi gravado pelas câmaras de videovigilância. Pela manhã quando um dos responsáveis chegou à empresa avisou a GNR e pouco depois os militares do NIC de Guimarães, com auxílio das patrulhas de Oliveira do Bairro, detiveram os dois suspeitos. Os guardas seguiram o "rasto" deixado pelo GPS e durante a mesma tarde chegaram à sucata Rei e Rei, em Alagoas, Águeda, onde os dois assaltantes terão vendido parte do material furtado.

O proprietário da sucata negou a ter conhecimento da compra do material furtado e afirmou que iria colaborar com as autoridades. Com o auxílio da GNR de Águeda foram efetuadas buscas e foi recuperado a quase totalidade do material furtado. O CM tentou ouvir os responsáveis da empresa de eletrónica mas tal não foi possível.

carro Águeda ladrões GPS carro Guimarães furto roubo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)