Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

GNR herói salva mulher no mar

Guarda Carlos Lima, 30 anos, já tinha saído de serviço quando os colegas receberam alerta de afogamento na praia. Foi para o local e salvou mulher.
Ana Palma e Pedro F. Guerreiro 3 de Abril de 2015 às 10:20
O militar Carlos Lima está ao serviço da GNR desde novembro e tem formação de nadador-salvador
O militar Carlos Lima está ao serviço da GNR desde novembro e tem formação de nadador-salvador FOTO: Pedro Noel da Luz

Militar durante vários anos e na GNR desde novembro, Carlos Lima tinha acabado de sair de serviço quando, já depois das 00h00 de ontem, chegou o alerta de um afogamento no mar. Já desarmado, acabou por seguir com os colegas que se deslocaram para a ocorrência, em frente à praça do Mar, em Quarteira. Atirou-se à água e, com ajuda de um guarda-noturno, salvou uma mulher de morrer afogada, num ato considerado heroico.

"Já tinha saído de serviço quando recebemos a comunicação de que uma pessoa se estava a afogar. Como tenho formação de nadador-salvador, senti-me quase na obrigação de ir também com a patrulha", contou ao CM o guarda Carlos Lima, natural de Vila Verde, no distrito de Braga. "Assim que chegámos ao local só tive tempo de tirar as botas e a farda e mergulhar rapidamente", relatou o militar.

Apesar da pouca luz que existia no local, acabou por conseguir chegar à vítima, que estava exausta e em grandes dificuldades, a cerca de 40 metros da praia, depois de ter caído do molhe. Com o auxílio de um guarda-noturno, que também entrou na água, Carlos Lima transportou a vítima até à margem, onde já se encontrava o INEM. A vítima, com 40 anos e nacionalidade brasileira, é residente em Quarteira. Foi transportada para o Centro de Saúde de Loulé, mas nem chegou a ficar internada. 

GNR Carlos Lima praça do Mar Vila Verde Centro de Saúde de Loulé acidentes e desastres salvamento / busca
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)