Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Homem aproveita saída precária para casar à força

Entre os arguidos está o pai da vítima e o noivo, assim como outros familiares.
1 de Dezembro de 2018 às 11:00
Alianças de casamento
Alianças de casamento
Alianças de casamento
Alianças de casamento
Alianças de casamento
Alianças de casamento
Alianças de casamento
Alianças de casamento
Alianças de casamento
O Tribunal de Coimbra começou esta sexta-feira a julgar duas mulheres e seis homens por forçarem uma jovem de 19 anos a casar com um homem de 29.

Entre os arguidos está o pai da vítima e o noivo, assim como outros familiares.

O caso ocorreu em 2017. O noivo, que cumpre uma pena na cadeia de Coimbra, aproveitou uma saída precária para consumar o casamento.

A jovem estava numa instituição. Foi passar o Natal com a família que a forçou a casar.

Os arguidos negam.
Tribunal de Coimbra Coimbra Natal crime lei e justiça questões sociais família julgamentos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)