Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Incêndio deixa três desalojados

Fogo consumiu o interior de uma casa, em Alporchinhos.
José Carlos Eusébio 18 de Abril de 2016 às 09:35
Populares ainda tentaram combater as chamas mas estas só foram extintas pelos bombeiros de Lagoa
Populares ainda tentaram combater as chamas mas estas só foram extintas pelos bombeiros de Lagoa FOTO: Nuno Alfarrobinha
"A minha mulher ouviu um estrondo e chamou-me. Tentei apagar o fogo com uma mangueira de água, mas não consegui e liguei para o 112", conta Guilherme Neves, que vive próximo da casa que, ontem de manhã, pelas 07h15, ficou com o interior destruído pelas chamas, em Alporchinhos, Lagoa. Na casa viviam três homens, que escaparam ilesos mas ficaram desalojados.

O incêndio terá começado num quarto, mas, por sorte, o homem que ocupava essa divisão tinha saído para um passeio. No entanto, os outros dois estavam no interior, mas conseguiram escapar a tempo para a rua.

"Não sabemos se foi um curto-circuito ou um problema com um eletrodoméstico. As autoridades estão agora a investigar", conta Vítor Gomes, proprietário da casa, que mora próximo e rapidamente compareceu no local – ainda tentou combater o fogo antes da chegada dos bombeiros. Vítor Gomes diz que vai tentar reparar o que ficou estragado, de forma a permitir que os inquilinos – dois indianos e um paquistanês, com idades entre os 30 e os 50 anos, que trabalharam na apanha de laranja – possam voltar para a casa.

O incêndio foi combatido por dez operacionais, com quatro viaturas, dos Bombeiros de Lagoa, sendo extinto em cerca de meia hora. A GNR esteve no local, mas como se trata de fogo urbano a investigação passou para a PJ.
Lagoa Guilherme Neves Alporchinhos Vítor Gomes Bombeiros de Lagoa GNR incêndio habitação desalojados
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)