Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Iraniano usa morada falsa para ter visto de residência

Enviou ao SEF contrato de arrendamento de moradia que depois recusou concretizar.
João Mira Godinho 22 de Janeiro de 2019 às 09:59
SEF
Serviço de Estrangeiros e Fronteiras
Inspetor do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras
SEF
Serviço de Estrangeiros e Fronteiras
Inspetor do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras
SEF
Serviço de Estrangeiros e Fronteiras
Inspetor do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras
Um imigrante iraniano conseguiu autorização de residência em Portugal com recurso a uma morada falsa. O homem enviou ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) o contrato de arrendamento de uma moradia, em Moncarapacho, Olhão, que depois recusou concretizar.

A situação aconteceu em dezembro. O imigrante respondeu a um anúncio para arrendamento da moradia num site na internet. "Depois de falarmos por telefone, ele veio logo ver a casa", contou ao CM o proprietário da habitação. "Falou com a mulher pelo computador, e disse que queria a casa".

O dono da moradia tratou então do contrato de arrendamento, que enviou por mail, já assinado, ao imigrante. Nessa altura, o iraniano acabou por dizer que já não estava interessado.

Passado pouco mais de uma semana, o proprietário recebeu na moradia uma carta do SEF, com a autorização de residência. O imigrante tinha usado a morada para se legalizar.

Na semana passada, inspetores do SEF estiveram na casa para recolher os documentos e estão agora a investigar o caso.

O CM confirmou que o iraniano, com cerca de 30 anos, é estudante de Doutoramento na Universidade do Algarve.

PORMENORES 
Precisava de casa maior
O homem estava alojado numa residência académica mas precisava de uma casa maior para ser autorizado a residir em Portugal com a mulher e o filho.

SEF investiga caso
O SEF, ao CM, confirmou ter em "curso uma averiguação sobre a alegada utilização indevida de um contrato de arrendamento num processo de autorização de residência".

Cuidado com assinaturas
O SEF alerta para que não sejam enviados por "plataformas informáticas, documentos onde conste a assinatura".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)