Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Mãe revoltada com morte do filho

Homem foi morto por ex-colega que o culpava por ter sido despedido, na Lourinhã.
Francisco Gomes 12 de Julho de 2018 às 01:30
Família revoltada com o crime
Família revoltada com o crime
PSP
PSP
Família revoltada com o crime
Família revoltada com o crime
PSP
PSP
Família revoltada com o crime
Família revoltada com o crime
PSP
PSP
"O meu filho foi morto à traição. Quero justiça". Dulce Costa está revoltada com a morte do filho, Tiago Martins, 35 anos, na terça-feira, próximo do forte da praia de Paimogo, na Lourinhã, e não entende os motivos do crime.

A família, residente em Sobral, admite, no entanto, que possam estar relacionados com o facto do homicida responsabilizar Tiago Martins, instrutor de surf, por ter sido despedido da empresa em que trabalharam.

A tia da vítima, Anália da Costa, avança que o autor do crime "mandou uma mensagem" à vítima para se encontrarem" e que o sobrinho "foi de boa fé".

"Porque é que ele lhe deu uma facada no coração?", questiona. A vítima foi esfaqueada pelo antigo colega, da mesma idade, que levou o cadáver para o hospital e entregou-se à PSP.
crime crime lei e justiça PSP Lourinhã Anália da Costa Tiago Martins Paimogo Dulce Costa Sobral
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)