Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Membros do GOE resgatam portugueses

Seis membros do Grupo de Operações Especiais (GOE) da PSP partiram na madrugada de sexta-feira para a Costa do Marfim a fim de resgatar os portugueses residentes naquele país africano, que pode estar em vias de uma guerra civil.
26 de Dezembro de 2010 às 01:06

Os elementos do GOE avançaram para esta operação pouco depois de o Governo português ter aconselhado os cidadãos nacionais na Costa do Marfim a abandonarem o país, numa altura em que se adensam os confrontos entre apoiantes da oposição e do presidente Laurent Gbagbo, que recusa aceitar a vitória do rival Alassane Ouattara nas presidenciais. De acordo com a ONU, entre 16 e 21 de Dezembro já resultaram desta onda de violência que se instalou no país perto de 173 mortos. Apoiantes de Ouattara asseguraram, porém, que o conflito pós-eleitoral já provocou 745 mortes. Os últimos dados oficiais dão conta do registo de cerca de seis portugueses a residir na Costa do Marfim. O CM sabe que deverão chegar a Portugal a partir de hoje.

Ver comentários