Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

PJ detém suspeito de atear três fogos em Cabeceiras de Basto

Homem já tinha antecedentes criminais pela prática de incêndios florestais.
Lusa 26 de Julho de 2019 às 14:17
Detenção por fogo florestal
GNR, incendiário, fogo posto, incêndio, detido
Homem de 29 anos terá ateado fogo no lugar de Barreiros, Sarzedo, no concelho de Arganil
Detenção por fogo florestal
GNR, incendiário, fogo posto, incêndio, detido
Homem de 29 anos terá ateado fogo no lugar de Barreiros, Sarzedo, no concelho de Arganil
Detenção por fogo florestal
GNR, incendiário, fogo posto, incêndio, detido
Homem de 29 anos terá ateado fogo no lugar de Barreiros, Sarzedo, no concelho de Arganil
A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem de 58 anos por suspeitas de ter ateado esta semana três incêndios florestais em Cabeceiras de Basto, no distrito de Braga, anunciou esta sexta-feira aquela polícia.

Em comunicado, a PJ explica que o detido, desempregado, é suspeito de ter ateado três fogos, dois ocorridos na noite de segunda-feira e um na manhã de quarta-feira, numa freguesia de Cabeceiras de Basto.

O homem, residente em Cabeceiras, regista antecedentes criminais pela prática de incêndios florestais de natureza dolosa, adianta.

"Os incêndios consumiram principalmente área florestal e sobrante, não tendo atingido outras proporções devido à pronta intervenção dos bombeiros cabeceirenses que impediram a sua propagação", refere a PJ.

Identificado e detido fora de flagrante delito, o suspeito vai ser esta sexta-feira presente a primeiro interrogatório judicial, acrescenta a PJ.
Cabeceiras de Basto PJ Polícia Judiciária Braga
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)