Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

PJ investiga morte suspeita de mulher que deixou sangue por toda a casa

Cadáver de Lisa Lai, que morava com um irmão doente e deficiente, foi levado para autópsia.
Miguel Curado 10 de Dezembro de 2019 às 08:51
Lisa Lai tinha 57 anos
Prédio da Avenida Afonso III, Lisboa, onde estava  o corpo
Lisa Lai tinha 57 anos
Prédio da Avenida Afonso III, Lisboa, onde estava  o corpo
Lisa Lai tinha 57 anos
Prédio da Avenida Afonso III, Lisboa, onde estava  o corpo
A patrulha da PSP que no sábado esteve em casa de Lisa Lai, a mulher de 57 anos encontrada morta na Avenida Afonso III, em Lisboa, percebeu que tinha de chamar a PJ quando descobriu vestígios de sangue espalhados por todo o apartamento.

Segundo fontes policiais disseram ao CM, os agentes começaram por constatar a presença do cadáver nu na cama do quarto, parcialmente tapado. Ao lado estava um vidro ensanguentado.

Numa revista posterior à habitação, foi possível verificar pequenas poças de sangue em todas as divisões do apartamento. A suspeita de crime levou à chamada da PJ. O cadáver de Lisa Lai, que morava com um irmão doente e deficiente, foi levado para autópsia.
Lisboa PJ Avenida Afonso III Lisa Lai PSP crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)