Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Sobrevivente de Borba revela explosões na pedreira na véspera da derrocada

Joaquim Malta viu dois colegas de trabalho morrerem quando a estrada abateu.
21 de Março de 2019 às 21:25
A carregar o vídeo ...
Joaquim Malta viu dois colegas de trabalho morrerem quando a estrada abateu

Um sobrevivente da tragédia de Borba, que viu dois dos seus colegas morrer e que escapou por pouco à morte no fundo da pedreira onde trabalhava, fala em exclusivo à CMTV .

Joaquim Malta conta pela primeira vez como tudo aconteceu. Este homem revela um detalhe de extrema importância, para a investigação que está a cargo da Polícia Judiciária.

O trabalhador garante, que no dia anterior à tragédia, foram detonados explosivos na pedreira, junto ao muro que suportava a estrada.

No dia seguinte, a estrada ruiu, arrastando um carro com três pessoas e matando dois trabalhadores da pedreira a 19 de Novembro de 2018.

joaquim malta borba pedreira denúncia explosões derrocada estrada
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)