Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Taxistas ameaçam protestar

Presidente da Antral teme cenas de violência semelhantes às de Paris.
João Nuno Pepino 28 de Junho de 2015 às 15:50
Taxistas reunidos em Santarém para convívio e análise do setor
Taxistas reunidos em Santarém para convívio e análise do setor FOTO: João Nuno Pepino
O presidente da Antral teme que Portugal possa assistir a cenas de violência iguais às que ocorreram em França, nas manifestações dos taxistas contra a Uber. "Ando há dois meses a tentar parar o movimento que nasceu no Porto e que quer levar os protestos para as ruas", disse Florêncio Almeida ao CM, considerando que a situação é "vergonhosa".

"A Uber atua fora da lei e ninguém faz nada", diz o responsável, avisando que a "passividade do Estado" pode ser perigosa. "Ao não atuarem, as próprias instituições estão a fomentar o descontentamento e a fazer crescer o sentimento de que as coisas só se resolvem através da chamada justiça popular, o que não é o que a Antral quer, mas é provavelmente o que vai acontecer", afirma Florêncio Almeida.

Taxistas de todo o País estão este fim de semana reunidos em Santarém, na 12ª edição do ‘Dia do Táxi’, uma iniciativa para conviver e discutir os problemas do setor. Estava prevista a presença de Sérgio Monteiro, secretário de Estado dos Transportes, e João Carvalho, presidente do IMTT. Comunicaram a ausência já com o encontro a decorrer.
taxistas protesto Antral Portugal França Porto Florêncio Almeida Uber
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)