Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Alimentos proibidos à venda em hospitais

Lei fixou março último como prazo-limite para que fossem retirados os produtos.
29 de Julho de 2017 às 09:52
Máquinas de venda automática
Médicos
Profissionais de saúde
Máquinas de venda automática
Médicos
Profissionais de saúde
Máquinas de venda automática
Médicos
Profissionais de saúde
Mais de metade das máquinas de venda automática de alimentos em hospitais e centros de saúde, analisadas pela associação de defesa do consumidor Deco, continham bens alimentares proibidos.

Segundo a Deco, das 61 máquinas analisadas, verificou-se que 36, uma por cada estabelecimento, vendiam refrigerantes, folhados doces, bolachas com cobertura e recheio de chocolate ou baunilha e sandes de chouriço ou chourição.

A lei fixou março último como prazo-limite para que fossem retirados os produtos, exceto quando os contratos em vigor impliquem penalizações.
Deco bens de consumo hospitais máquinas venda automática alimentos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)