Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Banco da Maternidade e da Criança em Coimbra

A Associação de Defesa e Apoio da Vida (ADAV) pretende criar em Coimbra um Banco da Maternidade e da Criança, uma resposta social inovadora para famílias carenciadas, que depende de financiamento para avançar.
16 de Fevereiro de 2010 às 00:30
Associação de Defesa e Apoio da Vida quer dar asas ao projecto
Associação de Defesa e Apoio da Vida quer dar asas ao projecto FOTO: Paulo Novais/Lusa

Segundo a presidente da ADAV-Coimbra, Ana Maria Ramalheira, a estrutura, inspirada em certa medida no modelo do Banco Alimentar, faria a recepção, tratamento e gestão dos donativos para grávidas e crianças, encarregando-se de os distribuir às famílias apoiadas pela associação e às instituições da região que trabalhem com famílias em risco. "É um projecto que ultrapassa a ADAV e pode ser útil a muitas outras instituições que lidam com crianças e mães", explicou a responsável. No entanto, o banco ainda está dependente de apoios para avançar.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)