Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Cirurgia ajuda atletas

Uma técnica cirúrgica desenvolvida pelo ortopedista holandês Niek van Dijk, conhecido por operar alguns jogadores de alta competição, como Cristiano Ronaldo, está a ajudar a carreira de atletas com lesões no tornozelo e no pé. A cirurgia, criada há cerca de um ano, permite que a lesão na articulação seja retirada através de pequenas incisões. O paciente fica com cicatrizes pequenas, tem menos dores e recupera mais rapidamente. O especialista holandês está a realizar estas cirurgias no Hospital de Santa Maria, no Porto.
2 de Outubro de 2011 às 01:00
LESÕES, ATLETAS, CIRURGIA, CRISTIANO RONALDO, NIEK VAN DIJK

A técnica mais utilizada pelo médico ortopedista Van Dijk é a artroscópica, cirurgia endoscópica minimamente invasiva do tornozelo e tendões. É colocada, através de um pequeno orifício, uma câmara de vídeo dentro da articulação ou peritendão e, com pequenos instrumentos de laser, radiofrequência ou corte, fazem-se pequenas intervenções sem agredir as partes moles. "Não é apenas para jogadores de futebol, mas estes e outros atletas têm bastantes lesões no tornozelo, e a cirurgia é de sucesso. A técnica artroscópica não faz grandes cicatrizes, a recuperação é rápida e não tem tanta dor. Após a cirurgia, pode ir para casa no mesmo dia", adiantou Niek van Dijk. Dependendo das cirurgias, a recuperação pode ser, no mínimo, de três semanas, quando nas cirurgias abertas era de cinco meses.

O ortopedista holandês tem estado a realizar estas cirurgias naquele hospital privado do Porto, onde já operou, juntamente com uma equipa do professor Espregueira-Mendes, mais de uma dezena de atletas de alta competição.

DISCURSO DIRECTO

"ÚNICO SÍTIO DE PORTUGAL ONDE OPERA": LURDES SERRA CAMPOS, Directora Hosp. St.ª Maria

CM - Porque é que surgiu o convite do hospital ao médico Niek van Dijk?

Lurdes Serra Campos - Ele opera jogadores profissionais de grande gabarito. Pessoas de todo o Mundo procuram-no, e para nós é muito importante ter alguém como o professor a trabalhar aqui.

- Como é que funciona?

- O hospital cede as instalações e faz protocolo com cada uma das instituições: seguro, privado, etc. Ele pode operar os doentes que quiser. Este é o único sítio em Portugal onde ele opera.

- Quanto tempo é que ele despende para vir cá?

- Vem com frequência a Portugal e, dependendo do número e do tipo de cirurgias que tenha, normalmente resolve tudo numa manhã. Tudo é planeado conforme forem surgindo as cirurgias.

CASOS FAMOSOS NIEK VAN DIJK

"TÊM LESÕES COMO AS DAS BAILARINAS"

Niek van Dijk é director do Departamento de Ortopedia do Centro Médico Académico Hospitalar da Universidade de Amesterdão e também professor de Ortopedia e Cirurgia. Mas não é só pelos cargos que é conhecido. A sua reputação internacional é visível pela longa lista de pacientes, que inclui atletas de alta competição. "Operei o Cristiano Ronaldo, mas nunca falo dos meus doentes", disse.

Além do internacional português, que foi operado ao tornozelo direito em 2008, quando ainda estava no Manchester United, o médico holandês operou também David Luís (ex--Benfica), submetido a uma cirurgia ao quinto metatarso do pé direito, Van Persie (Arsenal), Van Nistelrooy (Hamburgo), Van Basten (ex-jogador holandês) e Eduardo da Silva (Shakhtar).

No Hospital de Santa Maria, no Porto, onde opera de seis em seis semanas, já teve como paciente um jogador do Dínamo de Zagreb e uma bailarina da Companhia de Bailado da Croácia. "Comecei a minha carreira nas lesões das bailarinas, que são muito parecidas com as dos jogadores de futebol, porque são na parte de trás do tornozelo", explicou.

PERFIL

Niek van Dijk É director do Departamento de Ortopedia do Centro Médico Académico Hospitalar da Universidade de Amesterdão e tem uma longa lista de pacientes que são atletas.

LESÕES ATLETAS CIRURGIA CRISTIANO RONALDO NIEK VAN DIJK
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)