Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Disparam doenças associadas à idade

Acréscimo dos problemas de visão como a catarata ou a retinopatia.
João Saramago 9 de Maio de 2015 às 09:30
Operação aos olhos pode impedir cegueira
Operação aos olhos pode impedir cegueira FOTO: D.R.

O número de pessoas com diabetes identificadas para tratamento à retinopatia diabética disparou nos últimos cinco anos. Passou de 3425 doentes em 2009, para 8110 em 2013, ou seja, um acréscimo de 137%.

A retinopatia diabética ocorre quando há excesso de açúcar no sangue, que danifica os vasos sanguíneos dentro da retina. Sem tratamento, o paciente pode sofrer cegueira irreversível. De acordo com o relatório Anual do Observatório Nacional da Diabetes, o número de pessoas abrangidas pelo Programa de Rastreio da Retinopatia diabética teve, por sua vez, um crescimento de 276%.

As retinografias realizadas no âmbito dos programas de rastreio da retinopatia diabética registaram assim um acréscimo expressivo. Em 2009 foram concretizados 29 595 exames. Em 2013 foram concluídos 115 284.

Para o presidente da Associação Portuguesa dos Diabéticos de Portugal, Luís Gardete Correia, este acréscimo é explicado pelo envelhecimento da população: "Os números revelam que 27% das pessoas com mais de 65 anos têm diabetes. Face ao aumento do número de idosos há também uma subida das pessoas com retinopatia diabética".

O exame é de grande importância. Para os pacientes com diabetes, o exame ao fundo do olho deve ser feito pelo menos uma vez por ano. A retinopatia não costuma apresentar sintomas. No entanto, quando ocorre hemorragia vítrea, o paciente pode ver manchas na visão. Perante a primeira sensação de borrão na vista deve ser procurado um oftalmologista.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)