Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Escolas voltam a abrir cantinas

Ministério não comparticipa refeições servidas durante férias.
Bernardo Esteves 19 de Dezembro de 2015 às 16:07
Nestas férias escolares, autarquias como Lisboa, Sintra, Almada, Seixal e Barreiro abrem cantinas
Nestas férias escolares, autarquias como Lisboa, Sintra, Almada, Seixal e Barreiro abrem cantinas FOTO: Nuno André Ferreira
Autarquias como Lisboa, Sintra, Seixal, Almada e Barreiro vão abrir as cantinas das escolas de 1º ciclo nestas férias de Natal, para garantir a alimentação a crianças carenciadas. Lisboa prevê fornecer 4500 refeições por dia. Em Sintra, o programa de apoio abrange também os pais que desejem almoçar com os filhos. No ano passado foram servidas 36 mil refeições.

No Seixal, nas férias de 2014 serviram-se 4484 refeições a 561 alunos. No Barreiro, as escolas fornecem 30 a 40 refeições por dia a alunos com Ação Social Escolar. As autarquias notam que o Ministério da Educação não comparticipa as refeições nesta pausa letiva.

Há também câmaras, como Oeiras, Cascais, Amadora e Loures, que mantêm abertas as cantinas para crianças que frequentam o ATL, mas os pais pagam. Em Setúbal, Vila Franca de Xira e Moita as escolas não servem refeições nas férias. A Câmara de Setúbal afirma que não recebeu pedidos das escolas e a de Vila Franca de Xira diz que tem um programa de apoio a 600 famílias carenciadas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)